Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/10334
Title: Caracterização físico-química de diferentes comprimentos de cladódios das palmas Opuntia tuna (L.) Mill. E Nopalea cochenillifera (L.) Salm-Dyck, sob níveis de biofertilizantes.
Other Titles: Physicochemical characterization of different cladode lengths of the palms Opuntia tuna (L.) Mill. And Nopalea cochenillifera (L.) Salm-Dyck, under biofertilizer levels.
???metadata.dc.creator???: SILVA, Marcio Santos da.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: COSTA, Franciscleudo Bezerra da.
???metadata.dc.contributor.referee1???: RIBEIRO, Wellington Souto.
???metadata.dc.contributor.referee2???: SILVA, Marcelo Cleon de Castro.
Keywords: Adubação orgânica;Organic fertilization;Cactácea;Cactus;Hortaliça não convencional;Unconventional vegetables;Ácido ascórbico;Ascorbic acid;Qualidade pós-colheita;Post Harvest Quality;Cultivo de palma;Palm Growing;Produção orgânica;Organic production
Issue Date: 22-Feb-2019
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: SILVA. Marcio Santos da. Caracterização físico-química de diferentes comprimentos de cladódios das palmas Opuntia tuna (L.) Mill. E Nopalea cochenillifera (L.) Salm-Dyck, sob níveis de biofertilizantes. 2019. 70 f. Dissertação (Mestrado em Horticultura Tropical) - Programa de Pós-Graduação em Horticultura Tropical, Centro de Ciências e Tecnologia Agroalimentar, Universidade Federal de Campina Grande, Pombal, Paraíba, Brasil, 2019.
???metadata.dc.description.resumo???: O estudo sobre a qualidade pós-colheita dos cladódios de palma de diferentes espécies e, com aplicação de biofertilizante em seu cultivo, é pouco estudado. Nesse sentido, objetivou-se avaliar a qualidade física e físico-química de cladódios jovens de palma “Orelha de elefante mexicana” e “Miúda” produzidos sobre níveis de biofertilizante. O esquema fatorial utilizado foi o 3x5, sendo três faixas de comprimento dos cladódios e cinco níveis de biofertilizante com três repetições, em delineamento inteiramente casualizado (DIC). Plantas de palma “Orelha de Elefante Mexicana” e “Miúda” foram cultivadas com diferentes níveis de biofertilizante (0, 5, 10, 15 e 20%) e colhidas com 8-12, 12-16 e 16-20 cm de comprimento. O diâmetro do cladódio, massa fresca, sólidos solúveis, pH, acidez titulável, relação sólidos solúveis e acidez titulável (SS/AT), ácido ascórbico, compostos fenólicos, açúcares solúveis, clorofila a e b, clorofila total, carotenoides e respiração dos cladódios foram avaliados aos 40 dias após as brotações. Com relação à palma “Orelha de Elefante Mexicana”, Os cladódios de comprimento 16-20 cm apresentaram maiores atributos físico e físico-químicos, sendo indicada para o plantio. Os cladódios apresentaram características similares a algumas hortaliças convencionais, apresentando teores de compostos antioxidantes que viabilizam para o consumo humano, especialmente os da faixa de 16-20 cm. O nível máxima do biofertilizante promoveu aumento nos teores de sólidos solúveis, compostos fenólicos e açúcares totais. Porém, não influenciou o conteúdo de pigmentos. Os cladódios de 4-8 cm produzidos com e sem biofertilizante apresentaram maiores taxa de respiração para “Orelha de Elefante Mexicana”. Com relação à palma “Miúda”, Os cladódios de 16-20 cm produzidos com biofertilizante apresentaram incrementos nos resultados com relação às características físicas e menores taxas respiratórias. Os cladódios de 8-12 cm apresentaram maiores resultados para características físico-químicas e compostos bioativos, sendo semelhantes a umas hortaliças, vindo apresentar maiores teores para sólidos solúveis, acidez titulável, razão SS/AT e ácido ascórbico, potenciando a palma como alternativa e de ótima contribuição para a dieta humana. O nível de 20% de biofertilizante promoveu aumento nos teores de compostos bioativos dos cladódios.
Abstract: The study on the post-harvest quality of palm cladodes of different species and, with the application of biofertilizing in their cultivation, is little studied. In this sense, the objective was to evaluate the physical and physical-chemical quality of young cladodes of "Mexican Elephant Ear" and "Small" palm produced on levels of biofertilizer. The factorial scheme used was 3x5 with three replications, in a completely randomized design (DIC). The "Mexican Elephant Ear" and "Miúda" palm plants were cultivated with different levels of biofertilizer (0, 5, 10, 15 and 20%) and harvested with 8-12, 12-16 and 16-20 cm long O (SS / AT), ascorbic acid, phenolic compounds, soluble sugars, chlorophyll a and b, total chlorophyll, carotenoids and respiration of cladodes were evaluated at 40 days after sprouting. In relation to the palm "Mexican Elephant Ear", cladodes in the range of 16-20 cm presented better physical and physico-chemical attributes, being indicated for planting. The cladodes presented characteristics similar to algumas vegetables, presenting levels of antioxidant compounds that are feasible for human consumption, especially those in the range of 16-20 cm. The maximum level of biofertilizer promoted an increase in the contents of soluble solids, phenolic compounds and total sugars. However, it did not influence the pigment content. The 4-8 cm cladodes produced with and without biofertilizer presented higher respiration rates for "Mexican Elephant Ear". Regarding the "Small" palm, the cladodes of 16-20 cm produced with biofertilizer presented increases in the results with respect to the physical characteristics and lower respiratory rates. The cladodes of 8-12 cm presented higher results for physicochemical characteristics and bioactive compounds, being similar to ones vegetables, presenting higher contents for soluble solids, titratable acidity, SS / AT ratio and ascorbic acid, potentiating the palm as a alternative and excellent contribution to the human diet. The level of 20% of biofertilizer promoted an increase in the contents of bioactive compounds of cladodes.
Keywords: Adubação orgânica
Organic fertilization
Cactácea
Cactus
Hortaliça não convencional
Unconventional vegetables
Ácido ascórbico
Ascorbic acid
Qualidade pós-colheita
Post Harvest Quality
Cultivo de palma
Palm Growing
Produção orgânica
Organic production
???metadata.dc.subject.cnpq???: Agronomia.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/10334
Appears in Collections:Mestrado em Horticultura Tropical (Pombal)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MARCIO SANTOS DA SILVA - DISSERTAÇÃO - PPGHT - ACADÊMICO 2019.pdfMarcio Santos da Silva - Dissertação - PPGHT - Acadêmico 2019.2.18 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.