Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/10338
Title: Estudo de parâmetros morfo-fisiológicos na cultura do algodoeiro herbáceo (Gossypium hirsutum L.) em condições diferenciadas de irrigação no vale do Assu-RN.
Other Titles: Study of morphophysiological parameters in the herbaceous cotton (Gossypium hirsutum L) crop under different irrigation conditions in the Assu-RN valley.
???metadata.dc.creator???: SOUZA, Cleber Brito de.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: RAO, Tantravahi Vekata Ramana.
???metadata.dc.contributor.advisor2???: SILVA, Bernardo Barbosa da.
???metadata.dc.contributor.referee1???: DANTAS NETO, José.
???metadata.dc.contributor.referee2???: ESPÍNOLA SOBRINHO, José.
Keywords: Cultura Irrigada;Algodão Hérbaceo;Irrigação;Cultura do Algodoeiro;Parâmetros Morfo-Fisiológicos;Gossypium Hirsutum;Irrigated Culture;Herbaceous Cotton;Irrigation;Cotton Culture;Morpho-Physiological Parameters
Issue Date: Nov-1994
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: SOUZA, Cleber Brito de. Estudo de parâmetros morfo-fisiológicos na cultura do algodoeiro herbáceo (Gossypium hirsutum L.) em condições diferenciadas de irrigação no vale do Assu-RN. 1994. 90f. (Dissertação de Mestrado em Engenharia Agrícola), Programa de Pós-Graduação em Engenharia Agrícola, Centro de Ciências e Tecnologia, Universidade Federal da Paraíba - Campus II Campina Grande - Brasil, 1994.
???metadata.dc.description.resumo???: O objetivo principal do presente trabalho foi analisar alguns parâmetros morfo-fisiológicos de algodão herbáceo (Gossyplum hirsutum r. latifolium Hutch cultivar NCPA 6H), em experimento conduzido no município de Ipanguassu-RN no período agosto a dezembro de 1992. Foram utilizadas duas parcelas experimentais medindo 40m x 30 m, em cada uma das quais um tratamento de irrigação. No tratamento não estressado a cultura não sofreu restrições hídricas durante todo o seu ciclo, enquanto no tratamento estressado a cultura sofreu estresse a partir do trigésimo dia após a germinação. A parcela não estressada recebeu uma lamina total de 671,7mm e a parcela tida como estressada, recebeu uma lamina de 437,1mm. Os resultados mostraram que a cultivar CNPA 6H, cultivado sobre regime não estressado, apresentou uma tendencia de superioridade em altura de planta, fitomassas epígea verde e seca, e área foliar, em relação ao tratamento que sofreu estresse. As taxas de crescimento absoluto e de assimilação liquida do tratamento não estressado apresentaram-se superioras do tratamento estressado, enquanto que a taxa de crescimento relativo teve uma tendência ligeiramente superior aquela do tratamento estressado. A condutância estomática, a transpiração e a temperatura das folhas, apresentaram padrões virtualmente diferentes entre os tratamentos. A cultivar CNPA 6H no tratamento não estressado apresentou um rendimento de 3.960 Kg/ha e de 2.690 Kg/ha no tratamento estressado. Os exames laboratoriais de fibra evidenciaram muito pouca diferença entre as variáveis estudadas, por tratamento. No geral, a maioria dos parâmetros morfofisiológicos analisados no tratamento não estressado, apresentou uma tendencia de superioridade aos do tratamento estressado.
Abstract: The main objective of the present work was to analyze some morphophysiological parameters of herbaceous cotton (Gossyplum hirsutum r. latifolium Hutch cultivar NCPA 6H) in an experiment conducted in the municipality of Ipanguassu-RN from August to December 1992. Two experimental plots were used. measuring 40m x 30m, in each of which a treatment of irrigation. In the non-stressed treatment the culture did not suffer water restrictions during its whole cycle, whereas in the Stressed treatment The culture underwent stress from the thirtieth day after germination. The non-stressed portion received a total blade of 671.7mm and the portion considered as stressed received a 437.1mm blade. The results showed that the cultivar CNPA 6H, cultivated under non-stressed regime, presented a tendency of superiority in plant height, green and dry epigea phytomassas, and leaf area, in relation to the treatment that underwent stress. The absolute growth and net assimilation rates of the non-stressed treatment were higher than the stressed treatment, while the relative growth rate had a slightly higher tendency than that of stressed treatment. The stomatal conductance, transpiration and temperature of the leaves presented virtually different patterns between treatments. CNPA 6H cultivar in the treatment not stressed showed a yield of 3,960 kg / ha and 2,690 Kg / ha in stressed treatment. Laboratory tests of fiber showed very little difference between the variables studied, by treatment. In general, most morphophysiological parameters analyzed in the non-stressed treatment presented a tendency of superiority to those of stressed treatment.
Keywords: Cultura Irrigada
Algodão Hérbaceo
Irrigação
Cultura do Algodoeiro
Parâmetros Morfo-Fisiológicos
Gossypium Hirsutum
Irrigated Culture
Herbaceous Cotton
Irrigation
Cotton Culture
Morpho-Physiological Parameters
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/10338
Appears in Collections:Mestrado em Engenharia Agrícola.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CLEBER BRITO DE SOUZA - DISSERTAÇÃO PPGEA 1994.pdfCleber Brito de Souza - Dissertação PPGEA 1994.5.83 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.