Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/11041
Title: Síntese por reação de combustão, sintetização e caracterização de ferritas Ni-Zn dopadas com cromo.
Other Titles: Synthesis by combustion reaction, synthesis and characterization of chrome-doped Ni-Zn ferrites.
???metadata.dc.creator???: SILVA, Valmir José da.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: COSTA, Ana Cristina Figueiredo de Melo.
VIEIRA, Lucianna da Gama Fernandes.
???metadata.dc.contributor.referee1???: KIMINAMI, Ruth Herta G. Aliaga.
???metadata.dc.contributor.referee2???: LIRA, Hélio de Lucena.
Keywords: Ferrita Ni-Zi-Cr;Reação de Combustão;Nannopartículas;Sinterização;Adsorção de Nitrogênio;Ferritas;Cromo;Magnetização;Combustion Reaction;Nannoparticles;Sintering;Nitrogen Adsorption;Ferrites;Chrome;Magnetization
Issue Date: Sep-2007
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: SILVA, Valmir José da. Síntese por reação de combustão, sintetização e caracterização de ferritas Ni-Zn dopadas com cromo. 2007. 110f. (Dissertação de Mestrado em Engenharia Química), Programa de Pós-graduação em Engenharia Química, Centro de Ciências e Tecnologia, Universidade Federal de Campina Grande - Paraíba - Brasil, 2007.
???metadata.dc.description.resumo???: Nesta dissertação ferritas Ni-Zn dopadas com cromo de composição nominal Nio;5Zno,5Fe2-xCrx04 (x = 0,00; 0,10; 0,15 e 0,20 mol de Cr3 + ) foram preparadas por reação de combustão usando ureia como combustível utilizando cadinhos de sílica vítrea como recipiente. O efeito do Cr3+ sobre as características finais dos pós e das amostras sinterizadas a 1200°C/2h com taxa de aquecimento de 5°C/min foi investigado. Os pós resultantes e amostras sinterizadas foram caracterizados por difração de raios X , microscopia eletrônica de varredura (MEV) e medidas magnéticas. A temperatura e o tempo de chama médio foram medidos durante as sínteses e os pós foram também caracterizados por adsorção de nitrogênio (BET). As amostras sinterizadas foram também caracterizadas por medidas de densidade a verde, densidade aparente e porosidade aparente. Os resultados mostraram que todas as composições tanto para o pó quanto para as amostras sinterizadas apresentaram apenas a formação direta da fase do espinélio inverso ferritas Ni-Zn-Cr. O tamanho de cristalito para o pó variou de 22 para 23 nm. A área superficial especifica para o pó variou de 43,5 para 29,2 m2/g. Os resultados obtidos por MEV para o pó em todas as composições estudadas, mostraram a formação de aglomerados de nanopartículas. Já para as amostras sinterizadas observou-se um aumento na porosidade aparente e no tamanho de grãos em torno de 1,2 ± 0,5 um para os sistemas FCr0,05 a FCrO,20. Por meio dos parâmetros magnéticos foi possível verificar tanto para o pó quanto para as amostras sinterizadas que todos os sistemas apresentaram um comportamento de materiais magnéticos moles. A magnetização de saturação diminuiu de 53 para 42,4 emu/g e de 76 para 64 emu/g para o pó e amostras sinterizadas, respectivamente.
Abstract: In this work Ni-Zn ferrites doped with chromium o f nominal composition given by Ni0 j5Zno.5Fe2.xCrx04 (x = 0.00; 0.10; 0.15 and 0.20 mol o f C r 3 + ) were prepared for combustion reaction using urea as fuel and using as container a vitreous silica crucibles. The effect of Cr3 + on the characteristics powders and samples sintered at 1200°C/2h with heating rate of 5°C/min were investigated. The resulting powder and sintered samples were characterized by X rays diffraction, scanning electronic microscopy (SEM) and magnetic measures. The temperature and flame average time were measured during the synthesis and the powders were characterized by adsorption with N 2 (BET). The sintered samples were also characterized by the green density measures, apparent density and apparent porosity. The results showed that both powders and sintered samples compositions presented only the formation of the inverse spinel phase Ni-Zn- Cr ferrites. The crystallite size varied for the powder from 22 to 23 nm. The specific superficial area for the powder varied from 43.5 to 29.2 m2/g. The results obtained by SEM for the powder in all the studied compositions, showed the formation of agglomerates of nanoparticles. Already for the samples sinterized an increase was observed in the apparent porosity and grains size around 1.2 ± 0.5 um for the FCr0.05 and FCrO.20 systems. Through the magnetic parameters was possible to verify so much for the powder as for the sintered samples that all the systems presented a behavior o f soft magnetic materials. The saturation magnetization decreased from 53 to 42.4 emu/g and 76 for 64 emu/g for the powder and sintered samples, respectively.
Keywords: Ferrita Ni-Zi-Cr
Reação de Combustão
Nannopartículas
Sinterização
Adsorção de Nitrogênio
Ferritas
Cromo
Magnetização
Combustion Reaction
Nannoparticles
Sintering
Nitrogen Adsorption
Ferrites
Chrome
Magnetization
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/11041
Appears in Collections:Mestrado em Engenharia Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VALMIR JOSÉ DA SILVA - DISSERTAÇÃO PPGEQ 2007.pdfValmir José da Silva - Dissertação PPGEQ 2007. 6.99 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.