Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/11383
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creator.IDCASTRO, J. C. A.
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/1354100524086803pt_BR
dc.contributor.advisor1MARCELINO, Cecilia Paranhos Santos.
dc.contributor.advisor1IDMARCELINO, C. P. S.
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/6990329984620391pt_BR
dc.contributor.referee1SILVA, Iranilton Trajano da.
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5558600260214178pt_BR
dc.contributor.referee2SANTOS, Vanessa Érica da Silva.
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/7516858545636254pt_BR
dc.description.resumoO presente trabalho tem por objetivo a análise do instituto da venda casada, presente na comercialização de veículos novos, com o propósito de justificar o merecimento da garantia estendida oferecida pelas concessionárias aos consumidores. Para tanto, foi preciso desenvolver um estudo acerca dessa prática abusiva, iniciando com os fatores históricos da legislação consumerista, a explanação dos princípios e logo após, os conceitos e apresentação dos diplomas legais e infra legais que tratam do assunto. Em pesquisas bibliográficas, foram identificados os princípios específicos das relações de consumo e trazidos ao presente trabalho apenas os necessários para a compreensão lógica da relação consumerista, ou seja, o princípio da dignidade da pessoa humana, o da transparência, os da vulnerabilidade, o da boa- fé e o da equidade onde foi possível constatar que a respectiva prática abusiva viola-os e em especial do da vulnerabilidade técnica informacional. Essa violação é antes de tudo uma afronta direta aos preceitos constitucionais, que é a base do direito do consumidor, ao direito constitucional garantidos a todos essa proteção. Discorreu-se sobre os direitos básicos do consumidor e seus conceitos doutrinários e jurídicos, presentes na Lei nº 8.078/90, mais conhecida por Código de Defesa do Consumidor, e na doutrina. Além do mais, foram tratados sobre a venda casada os aspetos legais, penais, seu conceito, a previsão constitucional, e sua relação com a ordem tributária brasileira. Em seguida, fez-se necessário a apresentação dos termos utilizados pelo direito do consumidor sobre as garantias contratuais e legais, e como esses institutos são aplicados no comercio de venda de carros. Através dessas análises, juntamente com o entendimento sobre a intervenção estatal no domínio econômico, e o Projeto de Lei 9074/2017, pode-se verificar que a vinculação obrigatória do consumidor as revisões na concessionária, a fim de obter e manter a garantia oferecida na venda do automóvel, nada mais é do que uma prática abusiva que vai de encontro aos princípios constitucionais e consumeristas, podendo ser sim caracterizada como uma prática abusiva de venda casada implícita. Os métodos utilizados nessa pesquisa científica foram o dedutivo e o monográfico, devido a relevante importância contextual da forte presença da prática abusiva de venda casada no cotidiano das relações consumeristas, visto estarem inseridas no contexto das ciências jurídicas e sociais e como tais influenciadas pelo passado. A pesquisa foi realizada em artigos científicos de revistas especializadas, livros, publicações virtuais e diplomas normativos sobre o assunto permitiu a elaboração de uma opinião acerca da prática da venda casada nas relações consumeristas. Dessa maneira, pode-se classificar esta pesquisa acadêmica como exploratória, teórica e prescritiva.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentCentro de Ciências Jurídicas e Sociais - CCJSpt_BR
dc.publisher.initialsUFCGpt_BR
dc.subject.cnpqDireito Civilpt_BR
dc.titleGarantia contratual para veículos novos: perspectivas do direito do consumidor.pt_BR
dc.date.issued2019-06-10
dc.description.abstractThe objective of this study is to analyze the married sales organization present in the commercialization of new vehicles, with the purpose of justifying the merit of the extended warranty offered by the concessionaires to consumers. To do so, it was necessary to develop a study about this abusive practice, starting with the historical factors of the consumer legislation, the explanation of the principles and soon after, the concepts and presentation of the legal and infra-legal diplomas that deal with the subject. In bibliographical research, the specific principles of consumer relations were identified and brought to the present work only those necessary for the logical understanding of the consumer relation, that is, the principle of the dignity of the human person, transparency, vulnerability, good faith and fairness where it was possible to verify that their abusive practice violates them, and especially that of the technical informational vulnerability. This violation is first and foremost a direct affront to constitutional precepts, which is the basis of consumer law, to constitutional law guaranteed to all such protection. The basic consumer rights and their doctrinal and legal concepts, presented in Law no. 8.078 / 90, better known as the Code of Consumer Protection, and in doctrine, were discussed. Moreover, the legal, penal, concept, constitutional forecast, and its relation to the Brazilian tax order were dealt with on the sale of the marriage. Next, it was necessary to present the terms used by consumer law on contractual and legal guarantees, and how these institutes are applied in the car sales trade. Through these analyzes, together with the understanding of state intervention in the economic domain, and bill 9074/2017, it can be verified that the mandatory binding of the consumer to the revisions in the concessionaire, in order to obtain and maintain the guarantee offered in the sale of the automobile, is nothing more than an abusive practice that goes against constitutional and consumerist principles, but can be characterized as an abusive practice of implicit marriage sale. The methods used in this scientific research were the deductive and the monographic one, due to the relevant contextual importance of the strong presence of the abusive practice of married sale in the daily life of the consumerist relations, since they are inserted in the context of the juridical and social sciences and as such influenced by the past. The research was carried out in scientific articles of specialized magazines, books, virtual publications and normative diplomas on the subject allowed the elaboration of an opinion about the practice of the married sale in the consumerist relations. In this way, this academic research can be classified as exploratory, theoretical and prescriptive.pt_BR
dc.identifier.urihttp://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/11383
dc.date.accessioned2020-01-30T17:58:06Z
dc.date.available2020-01-30
dc.date.available2020-01-30T17:58:06Z
dc.typeTrabalho de Conclusão de Cursopt_BR
dc.subjectVenda casadapt_BR
dc.subjectPrática abusiva
dc.subjectDireito do consumidor
dc.subjectSale married
dc.subjectabusive practice
dc.subjectconsumer law
dc.subjectGarantia contratual
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.creatorCASTRO, João Claudio de Araújo.
dc.publisherUniversidade Federal de Campina Grandept_BR
dc.languageporpt_BR
dc.relation.referencesALMEIDA, João Batista de. Manual de direito do consumidor. – 2. Ed. ver. e atual. – São Paulo: Saraiva, 2008. 2014 p. AMARAL, Luiz Otavio de Oliveira. Teoria Geral do direito do consumidor. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2010. BATISTA, Renato. Folha online, Bancos. [Texto digital]. Disponível em: www.rmb.eng.br/.../vaiacabar-a-venda-casada-de-financiamento-imobiliario-e-seguros/ acesso em: 28 de maio 2019. BENJAMIN, Antônio Herman V.; MARQUES, Claudia Lima.; BESSA, Leonardo Roscoe. Manual do Direito do Consumidor. 5. ed. rev. atual. e ampl. ed. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2013. BENJAMIM, Antônio Herman V. apud Consumação mínima. Prática ilegal de venda casada? [Texto digital]. Disponível em www.datavenia.net/.../consumacaominimapraticailegal.htm-. Acesso em: 05 de maio 2019. BESSA, Leonardo Roscoe. BENJAMIM, Antônio Herman V. MARQUES, Claudia Lima, Manual de Direito do Consumidor. Revista dos Tribunais LTDA. São Paulo: 2008; BRASIL. Constituição da república federativa do Brasil de 1937. [Texto digital]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao37.htm. Acesso em: 26 de março 2019. Constituição da república federativa do Brasil de 1946. [Texto digital]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao46.htm. Acesso em: 26 de maio 2019. Constituição da república federativa do Brasil de 1967. [Texto digital]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao67.htm. Acesso em: 20 de maio 2019. Constituição da república federativa do Brasil de 1988. [Texto digital]. Disponível em: http://www.planalto,gov.br/ccivil_03/constituição/constituição.htm. Acesso em: 14 de março. 2019. Lei Delegada nº 04, de 26 de setembro de 1962. [Texto digital]. Dispõe sobre a intervenção no domínio econômico para assegurar a livre distribuição de produtos necessários ao consumo do povo. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Leis/Ldl/Ldl04.htm. Acesso em: 12 de março 2019. Lei nº 1.521, de 26 de dezembro de 1951. Altera dispositivos da legislação vigente sobre crimes contra a economia popular. [Texto digital]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L1521.htm. Acesso em: 21de maio 2019. Lei nº 4.137, de 10 de setembro de 1962. Regula a repressão ao abuso do Poder Econômico. [Texto digital]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/1950- 1969/L4137.htm. Acesso em: 21de maio 2019. Lei nº 8.078, de 11 de setembro de 1990. Dispõe sobre a proteção do consumidor e dá outras providências. [Texto digital]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L8078compilado.htm. Acesso em 17 de março 2019. Lei nº 8.137, de 27 de dezembro de 1990. Define crimes contra a ordem tributária, econômica e contra as relações de consumo, e dá outras providências. [Texto digital]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l8137.htm. Acesso em 26 de março 2019. Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002. Institui o Código Civil. [Texto digital]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/2002/l10406.htm. Acesso em 22 de março 2019. Projeto de Lei nº 9.074, de 10 de janeiro de 2002. Dispõe sobre as revisões de veículo automotor fora das oficinas credenciadas ou autorizadas pelo fabricante; tendo parecer da Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços, pela rejeição (relator: DEP. HERCULANO PASSOS). [Texto digital]. Disponível em: https://www.camara.leg.br/proposicoesWeb/prop_mostrarintegra;jsessionid=6D18E0A4F2 B1C79BF0F70BFEE13C96E.proposicoesWebExterno1?codteor=1661522&filename=Avulso +-PL+9074/2017. Acesso em 22 de março 2019. BRASIL. Superior Tribunal de Justiça. Resp. 476428/SC. Rel, Min. Nancy Andrighi j,19/04/2005. Superior Tribunal de Justiça. REsp 384.284/RS, Rel. Ministro HERMAN BENJAMIN, SEGUNDA TURMA, julgado em 20/08/2009, DJe 15/12/2009) Superior Tribunal de Justiça. REsp 804.202/MG, Rel. Ministra NANCY ANDRIGHI, TERCEIRA TURMA, julgado em 19/08/2008, DJe 03/09/2008) Superior Tribunal de justiça. REsp 106888/PR 1996/0056344-6, Rel. Min. Cesaras Asfor Rochare I. Decisão em 28/03/2001 Superior Tribunal de Justiça, Recurso Especial nº 744602, RJ, 2005/0067467-0. DJU 15.03.2007 p. 264 Superior Tribunal de Justiça. REsp 106888 PR 1996/0056344-6 SR. MIN. Cesar Asfor Rochare. DECISÃO: 28/03/2001.DJe 05/04/2001 Superior Tribunal de Justiça - REsp: 253589 SP 2000/0030690-8, Relator: Ministro RUY ROSADO DE AGUIAR, Data de Julgamento: 16/08/2001, T4 - QUARTA TURMA, Data de Publicação: DJ 18.03.2002 p. 255. TJ-PR - AI: 13493473 PR 1349347-3 (Acórdão), Relator: Carlos Mansur Arida, Data de Julgamento: 12/05/2015, 5ª Câmara Cível, Data de Publicação: DJ: 1587 18/06/2015. BRAZ, Felipe Juliano. Intervenção do Estado no domínio econômico. Disponível em: http://www.jurisway.org.br/v2/dhall.asp?id_dh=774. Acesso em: 29 de maio de 2019. CERVEIRA. Fernanda pessoa. Revista do direito do consumidor. Instituto Brasileiro de Política e Direito do Consumidor. Nº 44 outubro-Dezembro. Revistas dos Tribunais. São Paulo: 2002. COELHO, Fábio Ulhoa. Princípios do Direito Comercial: com anotações ao projeto do código comercial. São Paulo: Saraiva, 2012. COELHO, Luís Filipe Ribeiro. REVISTA&JUSTIÇA. Correio Braziliense, 21/05/2019. DEL MASSO, Fabiano. Direito Econômico Esquematizado. São Paulo: Método, 2013. COSTA, Homero. A venda casada. Artigo: Venda casada nas academias de ginástica. [Texto digital]. Disponível em: http:// www.homerocosta.adv.br/boletim/14/maio_2009_arquivos. Acesso em: 27 de maio 2019. EFING, Antônio Carlos. Fundamentos do direito das relações de consumo. 4. ed. Curitiba: Juruá, 2010. FERNANDES, Francisco: LUFT, Celso Pedro; GUIMARÃES, F. Marques. Dicionário brasileiro Globo. São Paulo: Globo, 1989. FILOMENO. José Geraldo Brito. Manual de direito do consumidor. 4 ed. São Paulo: Atlas, 2000. HENZE, Alexsander Seibeneichler. A Intervenção do Estado na Ordem Econômica: Agências Regulatórias. 2013. 74f. Monografia (Graduação em Direito) – Faculdade de Direito, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2013. [Texto digital]. Disponível em https://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/93270/000913921.pdf?sequence=1. Acesso em: 29 de maio 2019. IDEC (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor). [Texto digital]. Disponível em: www.idec.org.br. Acesso: em 04/05/2019. JÚNIOR, Nelson Nery. Crimes contra relações de consumo. [Texto digital]. Disponível em: bdjur.stj.gov.br/xmlui/bitstream/.../crimes_contra_relacoes_consumo.pdf?. Acesso em: 18 de março 2019. KANT, Immanuel. Fundamentação da metafísica dos costumes. Trad. Antônio Pinto de Carvalho. Companhia Editora Nacional. [Texto digital]. Disponível em: www.dominiopublico. gov.br Acesso em 27 de abril 2019. LEITE, Roberto Basilone. Introdução ao direito do consumidor: os direitos do consumidor e a aplicação do código de defesa do consumidor. – São Paulo: LTr,2002. 173p. MARQUES, Claudia Lima; BENJAMIN, Antonio Hermann V.; MIRAGEM, Bruno. Manual de Direito do Consumidor. 8 Edição. São Paulo: Editora Revista dos Tribunais, 2017. MARTINS, Plínio Lacerda. O abuso nas relações de consumo e o princípio da boa-fé. Rio de Janeiro: Forense, 2002. NETO, Guilherme Fernandes. O abuso do direito no Código de Defesa do Consumidor: Clausulas práticas e publicidades abusivas. Brasília: Brasília Jurídica, 1999. NUNES, Luiz Antônio Rizzatto, 1956- Comentários ao Código de Defesa do Consumidor. -3. Ed. ver. e atual. – São Paulo: Saraiva, 2009. 870 p. NUNES, Luiz Antônio Rizzatto. Curso de direito do consumidor com exercícios. 4. ed. SÃO PAULO: Saraiva, 2009. ROCHA, Silvio Luís Ferreira da. Responsabilidade Civil do Fornecedor pelo Fato do Produto no Direito Brasileiro. São Paulo: RT, 1992 SILVA, Jorge Alberto Quadros de Carvalho. Código de Defesa do Consumidor anotado. 2 ed. São Paulo: Saraiva 2002. SILVA, José Afonso. Curso de Direito Constitucional Positivo. 15. ed. São Paulo: Malheiros, 1998. SILVA, Marcelo Amaral da. Digressões acerca do princípio constitucional da igualdade. Jus Navigandi, Teresina, ano 8, n. 66, 1 jun. 2009. [Texto digital]. Disponível em: http://jus.com.br/revista/texto/4143. Acesso em: 27 de abril 2019. SOARES, Paulo Brasil Dill. Princípios básicos de defesa do consumidor (instituto de proteção ao hipossuficiente.). São Paulo: Editora de direito, 2001. VENDA Casada Crime Contra A Ordem Econômica Lei N 8137. 2019. [Texto digital]. Disponível em: https://www.centraljuridica.com/juris/4316/venda_casada_crime_contra_ordem_economic _lei_8137_de_1990.html. Acesso em: 29 de maio 2019.pt_BR
dc.title.alternativeContractual guarantee for new vehicles: consumer law perspectives.pt_BR
dc.identifier.citationCASTRO, João Claudio de Araújo. Garantia contratual para veículos novos: perspectivas do direito do consumidor. 2019. - Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Ciências Jurídicas e Sociais - Direito). Centro de Ciências Jurídicas e Sociais, Universidade Federal de Campina Grande. - Sousa/PB - Brasil 2019.pt_BR
Appears in Collections:Curso de Bacharelado em Direito

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
JOÃO CLÁUDIO DE ARAUJO CASTRO - TCC Direito 2019.pdf403.81 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.