Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/12270
Title: Neoconservadorismo e Serviço Social: uma análise do lastro conservador na profissão.
Other Titles: Neoconservatism and Social Work: an analysis of the ballast conservative in the profession.
???metadata.dc.creator???: SILVA, Dayane Ferreira da.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: SOUSA, Tatiana Raulino de.
???metadata.dc.contributor.referee1???: COSTA, Cibelly Michalane Oliveira dos Santos.
???metadata.dc.contributor.referee2???: SANTOS, Mayéwe Elyênia Alves dos.
Keywords: Serviço Social;Neoconservadorismo;Atuação profissional;Social Work;Neoconservatism;Professional Performance
Issue Date: 1-Aug-2018
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: SILVA, Dayane Ferreira da. Neoconservadorismo e Serviço Social: uma análise do lastro conservador na profissão. 2018. - Monografia (Curso de Graduação em Serviço Social) Centro de Ciências Jurídicas e Sociais, Universidade Federal de Campina Grande, – Sousa/PB – Brasil, 2018.
???metadata.dc.description.resumo???: O presente trabalho tem como foco principal a discussão sobre a existência do Neoconservadorismo no Serviço Social e a análise do lastro conservador da profissão. A proposta de estudo é fruto dos debates em sala de aula nas disciplinas dos fundamentos históricos e teórico-metodológicos do Serviço Social. O conservadorismo, em suas diversas denominações, é caracterizado como um aspecto existente desde a implantação do ofício no Brasil, se fazendo presente em vários momentos como um traço constituinte do sistema capitalista e da classe trabalhadora. Nesse contexto, este trabalho tem como objetivo analisar a existência de um Neoconservadorismo na profissão, escolhendo como sujeitos da pesquisa assistentes sociais da área da saúde. Os campos escolhidos foram dois hospitais da rede pública da região do alto sertão paraibano, o Hospital Regional de Sousa/PB e o Hospital Regional de Cajazeiras/PB, por se caracterizarem como instituições de referência aos municípios que atendem. O estudo teve caráter qualitativo, usando como instrumento de coleta a entrevista semi-estruturada, realizada por meio de gravação autorizada pelas/os entrevistadas/os, com um total de doze perguntas que visaram abarcar os objetivos deste trabalho. A amostra foi do tipo intencional, o tipo mais comum de amostra não probabilística. O método utilizado foi o crítico dialético, visto que o mesmo possibilita um maior entendimento e respaldo teórico para o desvelamento do real. Avaliamos que apesar dos avanços vivenciados pela profissão com o processo de renovação, a intenção de ruptura com o conservadorismo é um processo que se dá até os dias atuais como um momento não finalizado ainda pelo Serviço Social. Nesse meio, a existência do Neoconservadorismo é algo que vem sendo debatido por muitos/as autores/as como Santos, Netto e Iamamoto. Nos relatos obtidos na pesquisa deste trabalho, o mesmo foi destacado por grande parte das entrevistadas como um fato que se caracteriza como prejudicial à efetivação do exercício funcional e que perpassa em posturas pós-modernas e no imediatismo das demandas profissionais da área da saúde.
Abstract: This work has as main focus the discussion about the existence of Neoconservatism in Social Work and the analysis of the conservative class of this profession. The study‟s proposal results of classroom debates on subjects about historical and theoretical-methodological foundations of Social Work. Conservatism, in its various denominations, is characterized as an aspect that exists since this craft was implemented in Brazil, becoming part of several moments as a constituent feature of capitalist system and working class. In this context, this work aims to analyze the existence of a Neoconservatism in the profession, choosing as research subjects social workers at healthcare field. The chosen places were two public hospitals at Paraíba‟s backwoods region, Regional Hospital of Sousa/PB and Regional Hospital of Cajazeiras/PB because they have been characterized as instituions of reference to municipalities that. The study had qualitative character, using as collection instrument semistructured interviews, performed by recording authorized by interviewees, with an amount of twelve questions that aimed to cover this work‟s objective. The sample was of the intentional type, the most common type of non-probabilistic sample. The method used was the dialectical critic, since it allows a greater understanding and theoretical support for unveiling the real. We evaluate that despite advances experienced by the profession with renovation process, intending to rupture with conservatism is a process that occurs until present days as a not finalized moment of Social Work. In this context, Neoconservatism existence is something that has been debated by many authors such as Santos, Netto e Iamamoto. In the reports obtained in this work‟s research, most of the interviewees highlighted it as a fact characterized as detrimental to functional practice effectiveness and which permeates postmodern postures and the immediacy of professional demands at health area.
Keywords: Serviço Social
Neoconservadorismo
Atuação profissional
Social Work
Neoconservatism
Professional Performance
???metadata.dc.subject.cnpq???: Serviço Social
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/12270
Appears in Collections:Curso de Bacharelado em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DAYANE FERREIRA DA SILVA - TCC SERVIÇO SOCIAL 2018 .pdf (1).pdf534.09 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.