Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/12637
Title: Efeitos de diferentes tratamentos pré- germinativos e variabilidade de água na emergência de sementes de schinopsis brasiliensis engl.
Other Titles: Effects of different pre-germinative treatments and water variability on the emergence of schinopsis brasiliensis engl.
???metadata.dc.creator???: COSTA, Diego dos Santos.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: DORNELAS, Carina Seixas Maia.
???metadata.dc.contributor.referee1???: LACERDA, Alecksandra Vieira de.
???metadata.dc.contributor.referee2???: SILVA, Carlos Alexandre Batista da.
Keywords: Tecnologia de sementes;Emergência de sementes;Tratamentos pré-germinativos;Schinopsis brasiliensis Engl – sementes;Dormência de sementes – métodos de superação;Resistência à salinidade – sementes;Bioma caatinga;Seed technology;Seed emergence;Pre-germ treatments;Schinopsis brasiliensis Engl - seeds;Seed dormancy - methods of overcoming;Resistance to salinity - seeds;Caatinga biome
Issue Date: 23-Dec-2019
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: COSTA, Diego dos Santos. Efeitos de diferentes tratamentos pré- germinativos e variabilidade de água na emergência de sementes de schinopsis brasiliensis engl. 32f. (Trabalho de Conclusão de Curso – Monografia), Curso Superior de Tecnologia em Agroecologia, Centro de Desenvolvimento Sustentável do Semiárido, Universidade Federal de Campina Grande, Sumé – Paraíba – Brasil, 2019.
???metadata.dc.description.resumo???: Avalia a influência de diferentes métodos de superação de dormência e a resistência à salinidade na emergência de sementes de Schinopsis brasiliensis Engl. O experimento foi conduzido na Casa de Telado do Laboratório de Ecologia e Botânica do CDSA/UFCG no período de agosto a dezembro de 2018. Para os testes de dormência foram utilizados três tratamentos pré-germinativos: Sementes intactas - testemunha (T1); escarificação mecânica (T2); e Embebição em água a temperatura ambiente durante 24 horas (T3). Para cada tratamento pré-germinativo foram utilizados três tipos de água: água da torneira, água mineral e água de poço. Foram avaliados os seguintes parâmetros: emergência, índice de velocidade de emergência e massa seca de plântulas. De acordo com os resultados obtidos, verificou-se que os tratamentos pré-germinativos e os diferentes tipos de água utilizada na irrigação influenciaram em todos os parâmetros estudados. Em relação à porcentagem de emergência, índice de velocidade de emergência e massa seca de plântulas observou-se que a escarificação mecânica, proporcionou os melhores resultados com valores de 88%, 0,578 e 4,45mg respectivamente, enquanto que as menores porcentagens ocorreram quando as sementes não foram submetidas a nenhum tratamento pré-germinativo. Em relação à influência da variabilidade da água, observou-se que houve uma diminuição dos parâmetros avaliados à medida que os níveis de salinidade da água de irrigação aumentaram. Assim, constatou-se que a salinidade interfere negativamente na qualidade fisiológica da semente de forma proporcional ao aumento da salinidade da água de irrigação e a escarificação mecânica foi o tratamento responsável pelos melhores desempenhos, sendo recomendado para condução de testes de emergência de plântulas de S. brasiliensis em condições não controladas no município de Sumé-PB.
Abstract: The objective of this research was to evaluate the influence of different dormancy overcoming methods and resistance to salinity on the emergence of Schinopsis brasiliensis Engl. The experiment was carried out at the Laboratory of Ecology and Botany Laboratory of CDSA / UFCG from August to December 2018. For the dormancy tests three pre-germinative treatments were used: intact seeds - control (T1); mechanical scarification (T2); and Soaking in water at room temperature for 24 hours (T3). For each pre-germination treatment three types of water were used: tap water, mineral water and well water. The following parameters were evaluated: emergence, emergence speed index and seedling dry mass. According to the results obtained, it was found that the pre-germination treatments and the different types of water used in irrigation influenced in all studied parameters. Regarding the emergence percentage, emergence speed index and seedling dry mass it was observed that the mechanical scarification provided the best results with values of 88%, 0.578 and 4.45mg respectively, while the lowest percentages occurred when seeds were not submitted to any pre-germinative treatment. Regarding the influence of water variability, it was observed that the evaluated parameters decreased as irrigation water salinity levels increased. Thus, it was found that salinity interferes negatively on the physiological quality of the seed proportionally to the increase of irrigation water salinity and mechanical scarification was the treatment responsible for the best performances, being recommended for conducting emergence tests of seedlings S. brasiliensis under uncontrolled conditions in the municipality of Sumé-PB.
Keywords: Tecnologia de sementes
Emergência de sementes
Tratamentos pré-germinativos
Schinopsis brasiliensis Engl – sementes
Dormência de sementes – métodos de superação
Resistência à salinidade – sementes
Bioma caatinga
Seed technology
Seed emergence
Pre-germ treatments
Schinopsis brasiliensis Engl - seeds
Seed dormancy - methods of overcoming
Resistance to salinity - seeds
Caatinga biome
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/12637
Appears in Collections:Superior de Tecnologia em Agroecologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DIEGO DOS SANTOS COSTA - TCC AGROECOLOGIA 2019.pdfDiego dos Santos Costa - TCC Agroecologia 2019. 1.23 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.