Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/13245
Title: A representação social acerca do câncer de boca na zona rural de Cajazeiras- PB.
Other Titles: Social representation about oral cancer in rural Cajazeiras-PB.
???metadata.dc.creator???: MOURA, Thiago Dias Quirino de.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: MOURA, Sérgio Adriane Bezerra de.
???metadata.dc.contributor.advisor-co1???: FERNANDES FILHO, Antônio.
???metadata.dc.contributor.referee1???: LIMA JÚNIOR, José Ferreira.
Keywords: Câncer de boca;Mouth cancer
Issue Date: 2010
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: MOURA, Thiago Dias Quirino de. A representação social acerca do câncer de bocana zona rural de Cajazeiras-PB. 2010. 48f. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Enfermagem) - Centro de Formação de Professores, Universidade Federal de Campina Grande, Cajazeiras, Paraíba, Brasil, 2010.
???metadata.dc.description.resumo???: Câncer é o nome dado as alterações patológicas que tem em comum o crescimento desordenado de células, que invadem tecidos e órgãos. Dividindo-se rapidamente, estas células tendem a ser muito agressivas e incontroláveis, determinando a formação de tumores malignos, que podem espalhar-se para outras regi6es do corpo. O câncer de boca e principalmente representado pelo carcinoma epidermóide (espinocelular ou de células escamosas) e representa uma enfermidade crônica e multifatorial. Este trabalho objetivou estudar a representação social de moradores da zona rural de Cajazeiras/PB acerca do câncer de boca. A representação social refere-se a um conteúdo estruturado sobre um fenômeno ou objeto social relevante que inclui aspectos de natureza simbólica, cognitiva, avaliativa e afetiva. Para tal, recorreu-se ao referencial teórico-metodológico da produção de sentidos c das praticas discursivas. Foi realizado um estudo exploratório descritivo com abordagem qualitativa. A pesquisa utilizou como cenário a zona rural da cidade de Cajazeiras-PB e o numero de sujeitos foi determinado pela a quantidade dos relates envolvidos, sendo a coleta encerrada apos atingir o grau satisfatório (n=50). Os entrevistados se referem ao câncer de boca expressando nas suas falas associações com medo, morte e doença incurável Algumas expressões tem conotação de fuga, evitando comentários acerca da problemática. Os aspectos culturais norteiam as representações acerca do câncer de boca e observa-se uma necessidade de se empreender atividades educativas continuadas no intuito de favorecer uma ressignificação a respeito da doença. As campanhas educativas, por sua vez devem privilegiar a desmistificação do câncer5 convidando as pessoas a participarem de um problema que e de saúde coletiva e não promover a ideia de associação entre câncer e morte, gerando uma imagem de impotência individual.
Abstract: Cancer is the name given to the pathological changes that have in common the uncontrolled growth of cells mat invade tissues and organs. Rapidly dividing these cells tend to be very aggressive and uncontrollable, causing the formation of malignant tumors that can spread to other body regions. Oral cancer is mainly represented by squamous cell carcinoma (or squamous cell carcinoma) and represents a chronic and multifactorial desease. This study investigated the social representation of residents of countryside of Cajazeiras-PB about oral cancer. The social representation refers to a structured content on a relevant social phenomenon or object, which includes aspects of a symbolic nature, cognitive, affective and evaluative. To this end, we used theoretical method of production of meanings and discursive practices. We conducted a descriptive exploratory study with a qualitative approach. The survey used as a backdrop to the countryside of Cajazeiras-PB and the number of subjects was determined by the quality of the reports involved collection being closed after reaching satisfactory (n = 50), Respondents refer to oral cancer in their speeches expressing associations with fear, death and incurable disease. Some expressions have die connotation of fleeing, avoiding comments on the issue. Cultural aspects guide the representations about the mouth cancer and there is a need to undertake continuing education activities in order to promote a reinterpretation about the disease. Educational campaigns in turn should focus on the demystificatton of cancer, inviting people to participate in a problem that is of public health and not to promote the idea of an association between cancer and death, generating an image of individual impotence.
Keywords: Câncer de boca
Mouth cancer
???metadata.dc.subject.cnpq???: Enfermagem.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/13245
Appears in Collections:Curso de Bacharelado em Enfermagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
THIAGO DIAS QUIRINO DE MOURA. TCC. BACHARELADO EM ENFERMAGEM. 2010.pdfThiago Dias Quirino de Moura. TCC. Bacharelado em Enfermagem. 2010.4 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.