Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1326
Title: Avaliação das propriedades elétricas e de molhabilidade de rochas carbonáticas.
???metadata.dc.creator???: LEAL, Felipe de Brito.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: SOARES, José Agnelo.
???metadata.dc.contributor.referee1???: LIMA, Elissandra N. de Moura.
???metadata.dc.contributor.referee2???: PORTO, Adriana Lemos.
Keywords: Petrofísica digital;Resistividade elétrica;Molhabilidade;Carbonatos;Digital petrophysics;Electrical resistivity;Wettability;Carbonates
Issue Date: 26-Feb-2018
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: LEAL, F. de B. Avaliação das propriedades elétricas e de molhabilidade de rochas carbonáticas. 2018. 78 f. Programa de Pós-Graduação em Exploração Petrolífera e Mineral, Centro de Tecnologia e Recursos Naturais, Universidade Federal de Campina Grande, Paraíba, 2018.
???metadata.dc.description.resumo???: As propriedades físicas das rochas têm grande importância no planejamento, execução e custo dos projetos de engenharia de reservatório. O objetivo desta pesquisa é avaliar as propriedades elétricas das rochas a partir da análise de imagens de microtomografia de raios x, além de buscar uma correlação com as demais propriedades petrofísicas. Para o desenvolvimento dessa pesquisa foram selecionadas 16 amostras de carbonatos, sendo 12 calcários e 4 dolomitos, de três diferentes bacias (Araripe, Potiguar e Sergipe –Alagoas). Na presente pesquisa, a partir de imagens microtomográficas e utilização do software Avizo Fire, foram obtidos dados petrofísicos computacionais, além da geração de uma malha tridimensional para simulação de propriedades elétricas das amostras, sendo esta simulação realizada no software Comsol Multiphysics. Utilizando algumas propriedades obtidas na pesquisa e aplicando a lei de Archie, foi possível avaliar a molhabilidade das amostras. Os valores de densidade total possuem boa relação com a porosidade e o fluido saturante. Na relação entre a porosidade e a permeabilidade, chama atenção as amostras com valores de porosidade semelhantes, mas com permeabilidades bem diferentes. Este fator pode ser explicado pela baixa conectividade dos poros, baixando a permeabilidade. Ao comparar as porosidades obtidas por ensaios convencionais e computacionais, em alguns casos, foram observados diferentes valores para a mesma amostra. Este fato pode ser explicado pela escolha do subvolume da amostra computacional e o fato do ensaio convencional medir apenas a porosidade efetiva. Ainda observando os resultados obtidos nos ensaios realizados, foi verificado que a porosidade pode apresentar uma relação inversamente proporcional com a tortuosidade. A resistividade demonstrou forte relação com o tipo da rocha, onde, amostras de calcários possuem maior resistividade do que as amostras de dolomitos. A conectividade dos poros de uma rocha pode ser determinante na influência da porosidade sobre a resistividade dessa rocha, já que poros isolados não apresentam grande influência na condutividade elétrica de uma rocha. Ao avaliar a molhabilidade, foram identificadas sete amostras molháveis à água, três com molhabilidade neutra ou intermediária e seis preferencialmente molháveis à óleo. A molhabilidade das amostras apresentou relação direta com as bacias que as mesmas se localizavam.
Abstract: The physical properties of the rocks have great importance in the planning, execution and cost of the reservoir engineering projects. The objective of this research is to evaluate the electrical properties of the rocks from the analysis of x-ray microtomography images, in addition to searching for a correlation with the other petrophysical properties. For the development of this research, 16 samples of carbonates, 12 limestone and 4 dolomites, were selected from three different basins (Araripe, Potiguar and Sergipe - Alagoas). In this research, from the microtomographic images and the use of Avizo Fire software, computational petrophysical data were obtained, as well as the generation of a three - dimensional mesh to simulate the electrical properties of the samples, being this simulation carried out in Comsol Multiphysics software. Using some properties obtained in the research and applying the Archie’s law, it was possible to evaluate the wettability of the samples. The values of total density also have good relation with the porosity and saturating fluid. When analyzing the relationship between porosity and permeability, can be highlighted the samples with similar porosity values, but with very different permeabilities. This factor can be explained by the low connectivity of the pores, resulting in low permeability. When comparing the porosities obtained by conventional and computational tests, in some cases different values were observed for the same sample. This can be explained by the subjective choice of the subvolume of the computational sample and the fact that the conventional test only measures the effective porosity. Still observing the results of the tests, it was verified that the porosity may present an inversely proportional relation with the tortuosity. The resistivity showed a strong relationship with the type of rock, where calcareous samples have higher resistivity than dolomite samples. The pore connectivity of a rock can be determinant in the influence of the porosity on the resistivity of this rock, since isolated pores do not have great influence on the electrical conductivity of a rock. When assessing the wettability, seven water-wettable samples, three with neutral or intermediate wettability, and six preferentially oil-wettable were identified. The wettability of the samples was directly related to the basins that were located.
Keywords: Petrofísica digital
Resistividade elétrica
Molhabilidade
Carbonatos
Digital petrophysics
Electrical resistivity
Wettability
Carbonates
???metadata.dc.subject.cnpq???: Petrologia
Propriedades Físicas das Rochas
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1326
Appears in Collections:Mestrado em Exploração Petrolífera e Mineral.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FELIPE DE BRITO LEAL - DISSERTAÇÃO(PPGEPM) 2018.pdf2.47 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.