Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1329
Title: A recente interiorização das universidades federais e a questão da democratização do acesso: uma análise das experiências formativas de jovens do semiárido paraibano no campus de CUITÉ/UFCG.
???metadata.dc.creator???: SILVA, Lucas Pereira da.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: CANIELLO, Márcio de Matos.
???metadata.dc.contributor.referee1???: LEAL, Fernanda de Lourdes Almeida.
???metadata.dc.contributor.referee2???: ARAÚJO, Edineide Jezine Mesquita.
???metadata.dc.contributor.referee3???: GUERRA, Lemuel Dourado.
???metadata.dc.contributor.referee4???: LADOSKY, Mário Henrique Guedes.
Keywords: Universidades Federais;Democratização;Semiárido;Expansão e interiorização universitária;Trajetórias de formação;Relatos autobiográficos;Autobiographical reports;Training trajectories;University expansion and internalization;Democratization;Federal Universities
Issue Date: 31-Oct-2017
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: SILVA, Lucas Pereira da. A recente interiorização das universidades federais e a questão da democratização do acesso: uma análise das experiências formativas de jovens do semiárido paraibano no campus de CUITÉ/UFCG. 2017. 248 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) – Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais, Centro de Humanidades, Universidade Federal de Campina Grande, Paraíba, Brasil, 2017.
???metadata.dc.description.resumo???: O estudo aqui apresentado volta-se para a vida universitária em seu perfil atual, em diálogo com a efetivação das políticas públicas de democratização/interiorização dos espaços formativos nas universidades federais. O objetivo principal da presente pesquisa é analisar as experiências formativas de estudantes universitários das camadas populares, sobretudo, daqueles advindos das escolas públicas do Semiárido paraibano, que entre 2006 a 2015, ingressam, permaneceram no campus de Cuité/UFCG e obtiveram sucesso, ou êxito, na formação, dando continuidade aos estudos numa pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado), construindo assim, uma “trajetória universitária prolongada”. As especificidades contextuais e constitutivas desse processo em curso cobram estudos que possam subsidiar outras investigações de cunho comparativo. Nesse intuito, assumindo os pressupostos de uma pesquisa qualitativa, que não despreza a importância de elementos quantitativos, buscamos desenvolver um Estudo de Caso. O corpus utilizado para análise das experiências formativas são os relatos autobiográficos enviados por 20 ex-estudantes do campus de Cuité (sujeitos da pesquisa), identificados através de um Questionário Base, aplicado através de uma plataforma online. Os relatos autobiográficos, para além das autobiografias tradicionais, são instrumentos que informam sobre o contexto das práticas universitárias, em observância a construção de um novo perfil do campus brasileiro e de um novo habitus no cenário atual das universidades federais. A base teórica adotada no estudo, propõe uma interface entre Ciências Sociais e Educação. Nesse diálogo, recorre-se à Sociologia da Educação, a partir de Bourdieu e Lahire, referente ao campo universitário, capital cultural, as origens sociais dos estudantes e a construção de um novo habitus nas práticas universitárias e à Teoria Sociohistórica, Vygotsky e Leontiev, com as noções de mediação e atividades mediadoras, buscando compreender a construção das trajetórias de formação dos estudantes do ponto de vista relacional. Com isso, problematiza-se as iniciativas recentes de democratização do acesso ao ensino superior público, considerando três dimensões: a) democratização do ingresso; b) democratização das condições de permanência e c) sucesso ou êxito acadêmico (formação inicial e continuidade dos estudos). A análise evidencia as iniciativas e os indicadores do processo de democratização em curso, mostrando o Estado da Paraíba na dianteira deste processo em relação: 1) às taxas bruta e líquida de matrícula na população de 18 a 24 anos; 2) ao crescimento no número de estudantes matriculados em instituições públicas vindos da escola pública; 3) ao crescimento no número de estudantes que se autodeclaram pardos e pretos na rede federal; 4) ao ingresso na universidade pública por estudantes oriundos de famílias das camadas populares; 5) a importância da formação dos professores e da experiência dos estudantes em atividades de iniciação a pesquisa, extensão, iniciação a docência, monitoria, entre outras, resultando na construção de suas trajetórias. Trata-se de um delineamento pouco explorado no estudo das sociabilidades contemporâneas com foco na formação universitária em sua atual configuração. O estudo questiona ainda, o sentido das práticas na universidade e busca contribuir para a avaliação das políticas de Educação Superior e para o crescimento das Ciências Sociais na abordagem do tema.
Abstract: The study presented here turns to the university life in its current profile, in dialogue with the implementation of the public policies of democratization / internalization of the educational spaces in the federal universities. The main objective of the current research is to analyze the formative experiences of university students of the popular stratum, especially those coming from public schools in the semi-arid region of Paraíba, that between 2006 and 2015, they entered, stayed in the campus of Cuité / UFCG and obtained success or outcome in the formation, giving continuity to the studies in a stricto sensu postgraduate (masters and doctorate), thus constructing, a “longstading university trajectory”. The contextual and constitutive specificities of this ongoing process require studies that may support other comparative investigations. For this purpose, assuming the assumptions of a qualitative research, which does not disregard the importance of quantitative elements, we seek to develop a Case Study. The corpus used to analyze the formative experiences are the autobiographical reports sent by 20 former students of the Cuité campus (subjects of the research), identified through a Base Questionnaire, applied through an online platform. The autobiographical report, beyond the traditional autobiographies, are instruments that inform the context of the university practices, observing the construction of a new profile of the Brazilian campus and of a new habitus in the current scenery of the federal universities. The theoretical basis adopted in the study proposes an interface between Social Sciences and Education. In this dialogue, the Sociology of Education is used, starting from Bourdieu and Lahire, referring to the university field, cultural capital, the social origins of the students and the construction of a new habitus in university practices and Sociohistorical Theory, Vygotsky and Leontiev, with the notions of mediation and mediating activities, seeking to understand the construction of the trajectories of formation of students from the relational point of view. Thus, the recent initiatives for the democratization of the access to public higher education are problematized, considering three dimensions: a) democratization of the admission; b) democratization of the permanence conditions and c) academic success or outcome (initial formation and continuity of studies). The analysis points the initiatives and indicators of the ongoing democratization process, showing the State of Paraíba at the forefront of this process in relation to: 1) the gross and net enrollment rates in the population aged 18-24 years; 2) the growth in the number of students enrolled in public institutions from the public school; 3) an increase in number of students who declare themselves as mixed race or black in the federal network 4) to the entrance in the public university by students coming from families of the popular layers; 5) the importance of teacher training and the students' experience in initiation, resear ch, extension, teaching, monitoring, among others, resulting in the construction of their trajectories. It is a delimitation little explored in the study of the contemporary sociabilities with focus in the university formation in its current configuration. The study also questions the meaning of practices in the university and seeks to contribute to the evaluation of Higher Education policies and to the growth of Social Sciences on the approach of the theme.
Keywords: Universidades Federais
Democratização
Semiárido
Expansão e interiorização universitária
Trajetórias de formação
Relatos autobiográficos
Autobiographical reports
Training trajectories
University expansion and internalization
Democratization
Federal Universities
???metadata.dc.subject.cnpq???: Planejamento e Avaliação Educacional
Educação
Ciências Sociais
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1329
Appears in Collections:Doutorado em Ciências Sociais.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LUCAS PEREIRA DA SILVA – TESE (PPGCS) 2017.pdf2.89 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.