Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1465
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creator.IDSANTOS, F. A. C.pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/7328717833215830pt_BR
dc.contributor.advisor1SANTOS, Carlos Antonio Costa dos.-
dc.contributor.advisor1IDSANTOS, C. A. C.pt_BR
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/8478223179930197pt_BR
dc.contributor.referee1SILVA, Madson Tavares.-
dc.contributor.referee2BRITO, José Ivaldo Barbosa de.-
dc.contributor.referee3BEZERRA, Bergson Guedes.-
dc.contributor.referee4BARBOSA, Humberto Alves.-
dc.description.resumoEstudos sobre trocas energéticas entre ecossistemase a atmosfera são de grande importância no entendimento do papel da vegetação sobre o microclima local, sendo ainda bastante escassos quando se trata da vegetação da Caatinga. O presente trabalho tem o objetivo de estudar as diferenças no comportamento de importantes variáveis como o albedo (α), saldo de radiação (Rn), evapotranspiração (ET) e fluxos de CO2 (NEE e GPP) em área de Caatinga em recuperação (CREC) e degradada (CDEG) no estado da Paraíba. Em campo, os fluxos foram medidos pelo método da covariância de vórtices turbulentos (Eddy Covariance) para posterior comparação com as mesmas variáveis obtidas a partirde dados provenientes do sensor MODIS (Moderate Resolution Imaging Spectroradiometer) a bordo do satélite Terra. As estimativas mostraram maiores valores de albedo para a CDEG, e maiores valores de Saldo de radiação, para a CREC, evidenciando que nessa área deve existir uma maior disponibilidade de energia para realização dos processos físicos. O coeficiente de determinação (R2) entre as estimativas e as observações de Rn diário foi de até 0,93. A ET estimada pela metodologia SEBAL apresentou maiores diferenças com relação aos valores observados, fato porém a ser considerado foi a ocorrência de chuvas próximas a quase todas as datas das imagens. O algoritmo MOD16A2, no entanto, apresentou valores de ET mais próximos das observações e maior concordância com o Índice de Vegetação por Diferença Normalizada (NDVI). A CREC, em geral, apresentou maiores valores de ET em comparação com a CDEG. As trocas líquidas do ecossistema (NEE) com a atmosfera mostraram-se mais evidentes para a CREC, com a CDEG apresentando um aumento perceptível na absorção de CO2apenas na época chuvosa. A produtividade primária bruta (GPP) estimada a partir do MOD17A2, mesmo subestimando bastante os dados medidos, consegue diferenciar as duas áreas em estudo para todas as épocas do ano, ao passo que a metodologia aplicada em escala local, associando dados MODIS e medidas de campo (GPP_ mod) aproximou-se mais das observações, porém a diferença entre as duas áreas em estudo tornou-se mais evidente no período com menor disponibilidade hídrica. Os valores de R2 entre GPP_torre e GPP_MOD17 foram, respectivamente de 0,74 e 0,66 para CREC e CDEG. Já ente GPP_torre e GPP_ mod os valores de R2 foram menores, quais sejam: 0,35 e 0,51 para a CREC e CDEG, respectivamente.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentCentro de Tecnologia e Recursos Naturais - CTRNpt_BR
dc.publisher.programPÓS-GRADUAÇÃO EM METEOROLOGIApt_BR
dc.publisher.initialsUFCGpt_BR
dc.subject.cnpqMeteorologiapt_BR
dc.subject.cnpqGeoCiênciaspt_BR
dc.titleEstimativa dos fluxos de CO2 e evapotranspiração em áreas de caatinga em recuperação e degradada no Estado da Paraíba.pt_BR
dc.date.issued2015-08-28-
dc.description.abstractStudies on energy exchanges between ecosystems and the atmosphere are of great importance in understanding the role of vegetation on the local microclimate, still quite sparse when it comes to the vegetation of the Caatinga. This work aims to study the differences in the behavior of important variables as the albedo (α), net radiation (Rn), evapotranspiration (ET) and CO2 fluxes (NEE and GPP) in Caatinga area in recovery (CREC ) and degraded (CDEG) in the state of Paraíba. In the field, the flows were measured by the method of Eddy Covariance for later comparison with the same variables derived from data from the MODIS (Moderate Resolution Imaging Spectroradiometer) aboard the Terra satellite. The estimates showed higher albedo values for the CDEG, and higher net radiation values for the CREC, showing that in this area there should be a greater availability of energy for realization of physical processes. The coefficient of determination (R2) between the estimates and observations of daily Rn reached 0,93. The ET estimated by SEBAL methodology showed higher differences in relation to the observed values, but fact to be considered was the rainfall next to almost all dates of the images. The MOD16A2 algorithm, however, presented closer ETvalues of the observations and the agreement with the normalized difference vegetationindex (NDVI). The CREC, in general, showed higher ET values in comparison with the CDEG. The Net ecosystem exchange (NEE) with the atmosphere were more evident to CREC, withthe CDEG showing a noticeable increase in CO2 absorption only in the rainy season. The gross primary production (GPP) estimated from the MOD17A2 even quite underestimating the measureddata, can differentiate the two areas under study for all seasons, whereas the methodology applied at the local level, linking MODIS data and measures field (GPP_ mod) moved closer to the observations, but the difference between the two areas under study became more evident in the shorter water availability. The R2 values between GPP_torre and GPP_MOD17 were respectively 0,74 and 0,66 for CREC and CDEG. Already being GPP_torre and GPP_ mod R2 values were lower, as follows: 0,35 and 0,51 for the CREC and CDEG, respectively.pt_BR
dc.identifier.urihttp://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1465-
dc.date.accessioned2018-08-15T18:40:26Z-
dc.date.available2018-08-15-
dc.date.available2018-08-15T18:40:26Z-
dc.typeTesept_BR
dc.subjectCO2pt_BR
dc.subjectEvapotranspiraçãopt_BR
dc.subjectEstado da Paraíbapt_BR
dc.subjectÁreas de Caatingapt_BR
dc.subjectModispt_BR
dc.subjectSaldo de Radiaçãopt_BR
dc.subjectAlbedopt_BR
dc.subjectTrocas Energéticaspt_BR
dc.subjectProdutividade Primáriapt_BR
dc.subjectÁguapt_BR
dc.subjectEvapotranspirationpt_BR
dc.subjectState of Paraíbapt_BR
dc.subjectAreas of Caatingapt_BR
dc.subjectRadiation Balancept_BR
dc.subjectEnergy Exchangespt_BR
dc.subjectPrimary Productivitypt_BR
dc.subjectWaterpt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.creatorSANTOS, Francineide Amorim Costa.-
dc.publisherUniversidade Federal de Campina Grandept_BR
dc.languageporpt_BR
dc.description.sponsorshipCapespt_BR
dc.identifier.citationSANTOS, F. A. C. Estimativa dos fluxos de CO2 e evapotranspiração em áreas de caatinga em recuperação e degradada no Estado da Paraíba. 2015. 122 f. Tese (Doutorado em Meteorologia), Programa de Pós-graduação em Meteorologia, Centro de Ciências e Tecnologia, Universidade Federal de Campina Grande - Paraíba - Brasil, 2015.pt_BR
Appears in Collections:Doutorado em Meteorologia.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FRANCINEIDE AMORIM COSTA SANTOS – TESE (PPGMet) 2015.pdf2.92 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.