Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/14850
Title: Avaliação do funcionamento adaptativo em pessoas com autismo: uma revisão sistemática com metanálise.
Other Titles: Assessment of adaptive functioning in people with autism: a systematic review with meta-analysis.
???metadata.dc.creator???: CABRAL, Danielle Gonçalves.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: MELO, Monilly Ramos Araújo.
???metadata.dc.contributor.referee1???: AZEVEDO, Regina Lígia Wanderlei de.
???metadata.dc.contributor.referee2???: GAUDÊNCIO, Edmundo de Oliveira.
Keywords: Transtorno do Espectro Autista;Funcionamento adaptativo - Psicologia;Habilidades adaptativas - Psicologia;Revisão sistemática - Psicologia;Autismo;Deficiência intelectual;Avaliação do funcionamento adaptativo - Autismo;Metanálise - Psicologia;Autistic Spectrum Disorder;Adaptive functioning - Psychology;Adaptive skills - Psychology;Systematic review - Psychology;Systematic review - Psychology;Autism
Issue Date: 28-Nov-2018
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: CABRAL, Danielle Gonçalves. Avaliação do funcionamento adaptativo em pessoas com autismo: uma revisão sistemática com metanálise. 27f. (Trabalho de Conclusão de Curso - Monografia), Curso de Bacharelado em Psicologia, Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Universidade Federal de Campina Grande, Campus Campina Grande - Paraíba - Brasil, 2018.
???metadata.dc.description.resumo???: O Transtorno do Espectro Autista (TEA) caracteriza-se pela existência de uma dificuldade na comunicação e interação social, acompanhada de padrões restritos e repetitivos de comportamento. Dentro desses padrões, sugere-se que seja realizada a análise do funcionamento adaptativo. Tal funcionamento se refere às habilidades adaptativas em três domínios: conceitual, social e prático. Entretanto, mesmo após a definição da deficiência intelectual pela American Association on Intellectual and Developmental Disabilities (AAIDD) e das disposições sobre saúde e incapacidade dispostos na Classificação Internacional de Funcionalidade (CIF), as avaliações do funcionamento adaptativo em pessoas com autismo, que não apresentam concomitantemente deficiência intelectual, ainda são escassas. Dessa forma, a presente pesquisa tem por objetivo fornecer um panorama dos estudos brasileiros acerca da avaliação do funcionamento adaptativo em pessoas com autismo, através da realização de uma revisão sistemática com metanálise. Para tanto, nos meses de agosto e setembro de 2018, foram realizadas buscas nas bases de dados SciELO, PePSIC, BVS Brasil e nos periódicos disponíveis na CAPES e na BDTD. Foram analisados 27 estudos e realizados testes de normalidade da amostra. Dentre os estudos, apenas 7 avaliam os três domínios das habilidades adaptativas expressas no funcionamento adaptativo, e nenhum tinha como objetivo a construção de instrumentos para tal. Considerando a relevância da identificação do funcionamento adaptativo para a promoção da autonomia, acredita-se ser essencial que estudos acerca das habilidades adaptativas em pessoas com TEA, com ou sem deficiência intelectual, sejam realizados no país. No que se refere às limitações da revisão, destaca-se a amostra reduzida de estudos, devido também à restrição de critérios pré-estabelecidos para os mecanismos de busca utilizados e a inclusão única de textos disponíveis gratuitamente.
Abstract: Autism Spectrum Disorder (ASD) is characterized by the existence of a difficulty in communication and social interaction, accompanied by restricted and repetitive patterns of behavior. Within these patterns it is suggested that the analysis of the adaptive functioning be performed. Such functioning refers to adaptive skills in three domains: conceptual, social and practical. However, even after the definition of intellectual disability by the American Association on Intellectual and Developmental Disabilities (AAIDD) and the health and disability provisions set forth in the International Classification of Functioning (CIF) assessments of adaptive functioning in people with autism, who do not have concomitant intellectual impairment, are still scarce. Thus, the present research aims to provide an overview of the Brazilian studies about the evaluation of the adaptive functioning in people with autism, through the accomplishment of a systematic review with meta-analysis. For that, in August and September of 2018, searches were made in the SciELO, PePSIC, BVS Brasil databases and in the periodicals available in CAPES and BDTD. We analyzed 27 studies and performed normality tests of the sample. Among the studies, only 7 evaluated the three domains of adaptive abilities expressed in adaptive functioning, and none had as objective the construction of instruments for such. Considering the relevance of identifying adaptive functioning for the promotion of autonomy, it is believed to be essential that studies on adaptive skills in people with ASD, with or without intellectual disability, be carried out in the country. With regard to the limitations of the review, the small sample of studies is highlighted, due also to the restriction of pre-established criteria for the search engines used and the unique inclusion of freely available texts.
Keywords: Transtorno do Espectro Autista
Funcionamento adaptativo - Psicologia
Habilidades adaptativas - Psicologia
Revisão sistemática - Psicologia
Autismo
Deficiência intelectual
Avaliação do funcionamento adaptativo - Autismo
Metanálise - Psicologia
Autistic Spectrum Disorder
Adaptive functioning - Psychology
Adaptive skills - Psychology
Systematic review - Psychology
Systematic review - Psychology
Autism
???metadata.dc.subject.cnpq???: Psicologia.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/14850
Appears in Collections:Curso de Bacharelado em Psicologia CCBS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DANIELLE GONÇALVES CABRAL - TCC PSICOLOGIA 2018.pdfDanielle Gonçalves Cabral - TCC Psicologia - 2018.698.54 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.