Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/15003
Title: Avaliação do potencial alelopático de extratos vegetais da algaroba (Prosopis juliflora (SW) D.C.) na germinação, emergência e crescimento inicial de jurema-preta (Mimosa tenuiflora (Willd.) Poiret).
Other Titles: Assessment of potential allelopathic plant extracts of algaroba (Prosopis juliflora (SW) D.C.) on germination, emergence and early growth of Jurema-preta (Mimosa tenuiflora (Wild) Poiret).
???metadata.dc.creator???: COSTA, Romualdo Medeiros Cortez.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: FREIRE, Antonio Lucineudo de Oliveira.
???metadata.dc.contributor.referee1???: BRUNO, Riselane de Lucena Alcântara.
???metadata.dc.contributor.referee2???: SOUTO, Patrícia Carneiro.
Keywords: Algaroba - extratos vegetais;Potencial alelopático - algaroba;Prosopis juliflora;Jurema Preta - planta;Mimosa tenuiflora (Willd.) Poir.;Alelopatia em espécies vegetais;Invasão biológica - ecossistemas;Germinação e vigor de sementes - Mimosa tenuiflora;Vigor de sementes - Mimosa tenuiflora;Índice de Velocidade de Germinação (IVG);Manejo de recursos florestais;Plant extracts - Mimosa tenuiflora;Allelopathic potential - Mimosa tenuiflora;Allelopathy in plant species;Biological invasion - ecosystems;Germination and seed vigor - Mimosa tenuiflora;Seed vigor - Mimosa tenuiflora;Germination Speed Index;Forest resource management
Issue Date: Jul-2016
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: COSTA, Romualdo Medeiros Cortez. Avaliação do potencial alelopático de extratos vegetais da algaroba (Prosopis juliflora (SW) D.C.) na germinação, emergência e crescimento inicial de jurema-preta (Mimosa tenuiflora (Willd.) Poiret). 2016. 55f. (Dissertação de Mestrado em Ciências Florestais), Programa de Pós-graduação em Ciências Florestais, Centro de Saúde e Tecnologia Rural, Universidade Federal de Campina Grande – Campus de Patos – Paraíba Brasil, 2016.
???metadata.dc.description.resumo???: Alelopatia é a interação existente entre microrganismos e/ou plantas por meio da liberação de substâncias químicas (aleloquímicos, compostos secundários e outros) ao ambiente. Esse mecanismo dos vegetais pode ser um dos fatores que favorecem a ocupação de áreas por parte de espécies invasoras e, consequentemente, reduz a população nativa. Objetivou-se com este estudo avaliar o potencial alelopático de diferentes partes vegetais da Prosopis juliflora, espécie invasora, sobre a germinação, emergência e o crescimento inicial da Mimosa tenuiflora, espécie nativa da Caatinga. Os extratos aquosos de folhas, cascas e raízes de algarobeira foram preparados na proporção de 125 g de material vegetal para 500 mL de água destilada, diluída nas concentrações 0, 25, 50, 75 e 100%. Para a germinação, as sementes foram distribuídas em caixas gerbox forradas com papel germitest umedecido com os extratos. Os tratamentos foram distribuídos em delineamento inteiramente casualizado (DIC), com quatro repetições. Foi avaliada a porcentagem de germinação, o índice de velocidade de germinação (IVG) e o tempo médio de germinação (TMG). Para a emergência e crescimento inicial, foram utilizados tubetes de 55 cm3, com aplicação dos extratos quinzenalmente. Os tratamentos também foram distribuídos em DIC, com quatro repetições e cinco tubetes por repetição. Avaliou-se a porcentagem de emergência, altura da planta, diâmetro do caule, número de folhas, peso seco de folhas, caule, raiz, parte aérea e total. Os extratos foliares apresentam potencial alelopático inibitório à germinação e ao vigor, ao índice de velocidade e tempo médio de germinação de sementes de M. tenuiflora. Os extratos de raiz e casca favorecem a germinação das sementes de M. tenuiflora. O extrato de raiz não teve influência sobre a velocidade e o tempo médio de germinação. Há, nas folhas da algaroba, substâncias alelopáticas potencialmente limitantes à germinação das sementes de M. tenuiflora. Os extratos foliares de P. juliflora inibem a emergência e o crescimento de plantas de juremapreta. O extrato de raiz não influencia a altura e o peso seco das plantas. Os extratos obtidos da casca de algaroba não exercem efeito negativo no peso seco das raízes e parte aérea das plântulas de jurema-preta.
Abstract: Allelopathy is the interaction between microorganisms and/or plants by the releasing of chemicals (allelochemicals, secondary compounds and others) into the environment. This mechanism of vegetables may be one of the factors that favor the occupation of areas by invasive species and consequently reduces the native population. The objective of this study was to evaluate the allelopathic potential of different plant parts of Prosopis juliflora, invasive species, on germination, emergence and early growth of Mimosa tenuiflora, native species of Caatinga. The aqueous extracts of leaves, barks and roots from the algaroba were prepared at a ratio of 125 g of plant material to 500 ml of distilled water, diluted at concentrations of 0, 25, 50, 75 and 100%. For germination, the seeds were distributed in gerboxes lined with germitest paper moistened with the extracts. The treatments were distributed in a completely randomized design (DIC) with four replications. The percentage of germination, the germination speed index (IVG) and the average germination time (TMG) were evaluated. For emergence and early growth, tubes were used in 55 cm3, with application of the extracts every 15 days. The treatments were also distributed in DIC, with four replications and five tubes by repetition. We evaluated the percentage of emergence, plant height, stem diameter, number of leaves, dry weight of leaves, stem, root, aerial and total parts. The leaf extracts have potential allelopathic inhibitory to the germination and vigor, speed index and average time of M. tenuiflora seed germination. The root and bark extracts promote seed germination of M. tenuiflora. The root extract had no influence on the speed and the average germination time. There are allelopathic substances on the leaves of algarobas that are potentially limiting to the germination of M. tenuiflora. The leaf extracts of P. juliflora inhibit the emergence and growth of Jurema preta plants. The root extract does not influence the height and the dry weight of plants. The extracts obtained from algaroba bark do not have a negative effect on the dry weight of roots and shoots of seedlings of Jurema-preta.
Keywords: Algaroba - extratos vegetais
Potencial alelopático - algaroba
Prosopis juliflora
Jurema Preta - planta
Mimosa tenuiflora (Willd.) Poir.
Alelopatia em espécies vegetais
Invasão biológica - ecossistemas
Germinação e vigor de sementes - Mimosa tenuiflora
Vigor de sementes - Mimosa tenuiflora
Índice de Velocidade de Germinação (IVG)
Manejo de recursos florestais
Plant extracts - Mimosa tenuiflora
Allelopathic potential - Mimosa tenuiflora
Allelopathy in plant species
Biological invasion - ecosystems
Germination and seed vigor - Mimosa tenuiflora
Seed vigor - Mimosa tenuiflora
Germination Speed Index
Forest resource management
???metadata.dc.subject.cnpq???: Ciências Florestais.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/15003
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Florestais.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ROMUALDO MEDEIROS CORTEZ COSTA - DISSERTAÇÃO PPGCF 2016.pdfRomualdo Medeiros Cortez Costa - Dissertação PPGCF 20161.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.