Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/16066
Title: O papel do enfermeiro obstetra no trabalho de parto e parto.
Other Titles: The role of the obstetric nurse in labor and delivery.
???metadata.dc.creator???: QUEIROGA, Talita Pereira de.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: GONÇALVES, Roberta Lima.
???metadata.dc.contributor.referee1???: FERNANDES, Sheila Milena Pessoa dos S.
???metadata.dc.contributor.referee2???: COLAÇO, Elisabete Oliveira.
Issue Date: 1-Jun-2016
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: QUEIROGA, Talita Pereira de. O papel do enfermeiro obstetra no trabalho de parto e parto. 2016. 56f. (Trabalho de Conclusão de Curso), Curso de Bacharelado em Enfermagem, Centro de Ciências Biológicas e da Saúde, Universidade Federal de Campina Grande, Campus Campina Grande - Paraíba - Brasil, 2016.
???metadata.dc.description.resumo???: O papel da mulher na sociedade evidencia a importância de ser ofertada à ela uma saúde de qualidade, que contemple o seu poder de autonomia e decisão acerca de seu corpo. Tal processo se faz importante quando se diz respeito ao ato de gestar e no processo de parir, pois cabe à parturiente, juntamente com o profissional de saúde que a assiste decidir qual a via de parto, pois este momento é único na vida de cada mulher. Nesta perspectiva a enfermagem obstétrica destaca-se pelo seu potencial em desenvolver práticas humanizadas e com promoção de ações não intervencionistas. O presente estudo objetiva realizar uma análise da produção científica sobre a assistência da enfermagem obstétrica no parto. Para atender a proposta, foi realizada uma Revisão Integrativa de Literatura, motivado pela pergunta norteadora: Qual a caracterização da produção científica sobre a assistência da enfermagem obstétrica, disponibilizada em periódicos online, no período de 2005 a 2014, com ênfase nos enfoques abordados? Para isso, realizou-se uma busca sistemática nas bases/bibliotecas de dados da saúde com os seguintes descritores: “enfermagem obstétrica” and “parto” and “assistência” no idioma português, “nursing obstetric” and “parturition” and “assistance” no idioma inglês e para o idioma espanhol “partería” and “parto” and “assistencia”. Tratou-se de um estudo qualitativo, baseado na amostra de 32 artigos onde os dados foram analisados através da análise de conteúdo, emergindo três categorias empíricas: Legalização do exercício profissional da enfermagem obstétrica; Dificuldades encontradas pela categoria para desenvolvimento de sua práxis; Humanização: cuidados que proporcionam segurança à parturiente. Concluiu-se que nos estudos que a equipe de enfermagem obstétrica desempenha cuidado relevante durante o processo de parturição, revelando a importância do cuidado por este profissional no momento de parturição.
Abstract: The paper of womem in society puts in evidence the importance of offer to her a quality health, that contemplates your power of autonomy and decision about her body. This process becomes important when it concerns the act of gestating and in the process of giving birth, because it is for the woman in labor, along with the health professional that assists decide which type of delivery, because this moment is unique in the life of every woman. In this perspective, obstetrical nursing stands out for its potential to develop humanised and promotion of non-interventionist actions practices. The present study has the objective of conduct an analysis of scientific production about the obstetrical nursing care at human birth. To get this proposal, an integrative literature review was performed, motivated by the guiding question: What is the characterization of scientific production about the assistance of obstetrical nursing, available online journals in the period 2005-2014, with emphasis on approaches discussed? For this, has been done a systematic search in the base/ libraries of health data with the following descriptions: "enfermagem obstétrica" and "parto" and "assistência” in portuguese, “nursing obstetric” and “parturition” and “assistance” in english, and for spanish language was used “partería” and “parto” and “assistencia”. This was a qualitative study, based on the sample of 32 articles where the data were analyzed by content analysis, emerging three empirical categories: Legalization of the professional practice of obstetrical nursing; Difficulties found by category for the development of thier praxis; Humanization: care that provide security to the woman in labor. Concluded that the studies of the obstetrical nursing team does is relevant during the parturition process, revealing the importance of caring for this professional at the time of parturition.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/16066
Appears in Collections:Curso de Bacharelado em Enfermagem - CCBS

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TALITA PEREIRA DE QUEIROGA - TCC ENFERMAGEM CCBS 2016.pdf Talita Pereira de Queiroga - TCC Enfermagem CCBS 2016. 1.44 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.