Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1660
Title: O desenvolvimento sustentável da agricultura familiar sob condições adversas: o caso da comunidade de Caixeiro, em Juarez Távora, PB.
Other Titles: The sustainable development of family agriculture under adverse conditions: the case of the community of Caixeiro, Juarez Távora, PB.
???metadata.dc.creator???: FREITAS, Ilcleidene Pereira de.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: SANTOS, Robério Ferreira dos.
???metadata.dc.contributor.referee1???: ARAÚJO, José Bezerra de.
???metadata.dc.contributor.referee2???: CAVALCANTI, Guilherme de Albuquerque.
Keywords: Agricultura Familiar;Desenvolvimento Sustentável;Comunidade de Caixeiro - Juarez Távora - PB;Juarez Távora - PB - Comunidade de Caixeiro;Revolução Verde;Ecodesenvolvimento;Agricultura Sustentável;Propriedade Patronal Latifundiária;Empresa Patronal Capitalista;Agricultura de Subsistência;Produtores Familiares;Município de Juarez Távora - PB;Economia Rural;Economia Regional;Familiar Agriculture;Subsistence Farming
Issue Date: 2-Dec-2002
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: FREITAS, Ilcleidene Pereira de. O desenvolvimento sustentável da agricultura familiar sob condições adversas: o caso da comunidade de Caixeiro, em Juarez Távora, PB. 2002. 152f. (Dissertação de Mestrado em Economia Rural e Regional), Programa de Pós-graduação em Economia Rural e Regional, Centro de Humanidades, Universidade Federal de Campina Grande - Paraíba - Brasil, 2002.
???metadata.dc.description.resumo???: Partindo-se do ideal de um desenvolvimento sustentável, com seus aspectos multidisciplinares, buscando integrar as esferas política, econômica, social e ambiental, a agricultura familiar tem sido vista pelas suas características (diversificação produtiva a baixo custo e lógica de subsistência), como o agente propulsor desse pretendido desenvolvimento. No que se refere à agricultura na comunidade de Caxeiro, de Juarez Távora - PB, predomina a agricultura familiar na produção de uma policultura, onde se destaca, em termos comerciais, o algodão; entretanto, essa localidade apresenta algumas particularidades. Primeiramente, a terra na qual trabalham essas famílias, em geral, a elas não pertence. Na região existem dois grandes latifundiários, os quais, pelo transcorrer de dois anos "cedem" a terra para que essas famílias nela trabalhem. Após esse prazo, a terra é devolvida a seu legítimo dono. O mesmo dispõe-se a ceder outras terras, configurando-se um ciclo vicioso. Segundo, a EMBRAPA vem dando assistência a essa localidade há dois anos, devendo cessar no final do terceiro ano, quando, teoricamente, essa comunidade já teria condições de caminhar sozinha. Levando-se em consideração tais aspectos particulares, do tipo de agricultura familiar praticada na comunidade de Caxeiro, em Juarez Távora -PB, foi utilizado o estudo de caso, com base na análise quantitativa e qualitativa dos dados para se aferir a possibilidade de um desenvolvimento sustentável para tal comunidade. Assim, foram estudadas as condições nas quais dá-se a reprodução da agricultura familiar na comunidade de Caxeiro, sob condições adversas. O trabalho desenvolveu-se com base nas pesquisas bibliográficas e de campo, onde se verificou que a maioria dos agricultores está localizada em pequenos estabelecimentos de, no máximo, cinco hectares, onde os produtores utilizam a terra de maneira intensiva, esgotando o solo e gerando no máximo uma receita de R$ 53,00 por mês. Além disso, as condições pluviométricas contribuíram, no período em estudo (2000/2002), para agravar as condições de subsistência desses agricultores. Somam-se a esses fatores, o baixo grau de instrução; a falta de um maior comprometimentos das instituições públicas para com o desenvolvimento local, entre outros. De forma sintética, atribui-se à ausência da posse da terra pelos agricultores da comunidade de Caxeiro o maior entrave para o desenvolvimento de uma agricultura familiar em base sustentável, posto que quando se compara a comunidade de Caxeiro com a de Novo Horizonte, o diferencial é a posse da terra nesta última, onde os agricultores conseguem desenvolver uma agricultura familiar viável em base sustentável.
Abstract: Beginning from ideal of an sustainable development, with its multidisciplinary aspects, looking for integrate the political spheres, economics, social and environmental, the familiar agriculture has been considered by its characteristics (productive diversification with low cost and logic of subsistence), as the propeller agent of this intended development. Concerning to the agriculture on the community of Caxeiro, in Juarez Távora - PB, prevails a familiar agriculture on the production of a polyculture, where it stands out, in commercial terms, the cotton; however, that community presents some particularities. First, the land where those families work, generally don't belong to them. There are, in the region, two big latifundium that "give up" the land during two years for those families to work on it. After that period the land returns to its legitimate owners. They agree to give up other lands, configuring a vicious cycle. Second, the EMBRAPA is giving attendance to that locality since two year ago and intend to quit in the final of the third year, when, theoretically, that community would already have conditions to walk on their own. Considering this particular aspects, of a type of familiar agriculture practiced on the community of Caxeiro, in Juarez Távora - PB, it was used the study of case based in a quantitative and qualitative analysi of the data to estimate the possibility of a sustainable development for that community. Therefore, were studied the conditions in which happen the familiar agriculture reproduction in the community of Caxeiro, under adverse conditions. The work was developed based on bibliographic and field research, where it was verified that the majority of the husbandmen is located in small settlement of, at most, five hectares, where they use the land in an intensive way, depleting the soil and begetting at most an revenue of R$ 53,00 a month. Beside that, pluviométrie conditions contributed, on the period in study (2000/2002), to aggravate the conditions of subsistence of those farmers. Added to those factors, the low degree of instruction; the lack of a larger engagement of public institutions for the local development, among others. In an systematic form, attribute to the absence of the land possession by the farmers of the Caxeiro community the largest hindrance for the development for a familiar agriculture with sustainable base, although when compare the community of Caxeiro with Novo Horizonte, the differential is the land possession, where the agriculturists can be able to develop an viable familiar agriculture in an sustainable base.
Keywords: Agricultura Familiar
Desenvolvimento Sustentável
Comunidade de Caixeiro - Juarez Távora - PB
Juarez Távora - PB - Comunidade de Caixeiro
Revolução Verde
Ecodesenvolvimento
Agricultura Sustentável
Propriedade Patronal Latifundiária
Empresa Patronal Capitalista
Agricultura de Subsistência
Produtores Familiares
Município de Juarez Távora - PB
Economia Rural
Economia Regional
Familiar Agriculture
Subsistence Farming
???metadata.dc.subject.cnpq???: Economia.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1660
Appears in Collections:Mestrado em Economia Rural e Regional.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ILCEIDENE PEREIRA DE FREITAS - DISSERTAÇÃO PPGERR 2002..pdfIlcleidene Pereira de Freitas - Dissertação PPGERR 2002.5.8 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.