Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1669
Title: Manual do professor de língua portuguesa: da caracterização do gênero à leitura dos professores.
Other Titles: Manual of the portuguese language teacher: from the characterization of the gender to the reading of the teachers.
???metadata.dc.creator???: NÓBREGA, Geovana Sousa.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: RAFAEL, Edmilson Luiz.
???metadata.dc.contributor.referee1???: ARAÚJO, Denise Lino de.
???metadata.dc.contributor.referee2???: OLIVEIRA, Socorro.
Keywords: Manual do Professor de Língua Portuguesa;Língua Portuguesa - Manual do Professor;Formação Docente;Referência Acadêmico-Teórica;Referência Escolar-Metodológica;Caracterização do Gênero - Literatura;Livro Didático de Português;Portuguese Language Teacher's Manual;Representação da Língua Portuguesa - Manuais
Issue Date: Apr-2008
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: NÓBREGA, Geovana Sousa. Manual do professor de língua portuguesa: da caracterização do gênero à leitura dos professores. 2008. 228f. (Dissertação de Mestrado em Letras), Programa de Pós-graduação em Linguagem e Ensino, Centro de Humanidades, Universidade Federal de Campina Grande - Paraíba - Brasil, 2008.
???metadata.dc.description.resumo???: Ao discutirmos sobre formação docente, não podemos esquecer questões que envolvem o material escrito que se presta a auxiliar o professor com informações teórico-metodológicas relacionadas ao ensino de língua. Por isso, o nosso interesse em analisar o manual do professor que geralmente se encontra no final dos livros didáticos, a fim de verificar como se organiza esse gênero para cumprir as suas funções e identificar os tipos de referências que são ativadas na construção de sua textualidade e na leitura das professoras informantes. Para materializarmos esses objetivos, analisamos dois manuais do professor presentes nos livros didáticos destinados ao ensino médio, a saber, Português: linguagens, de Cereja & Magalhães (2003) e Português – de olho no mundo do trabalho de Terra & Nicola (2005), ambos volume único, bem como a leitura que duas professoras de ensino médio realizaram desses manuais. Essa análise nos permitiu caracterizar o manual do professor como um gênero textual que se presta mais à divulgação científica de conceitos teóricos ligadas à área da Lingüística, do que à orientação metodológica, de modo a construir duas referências de naturezas diferentes: a acadêmico-teórica e a escolar metodológica, presentes também na leitura das professoras. Para chegarmos a esses resultados, tomamos por base os estudos de Bakhtin (2003), que refletem sobre a constituição dos gêneros textuais em função da atitude responsiva do leitor, os estudos de Leibruder (2001), Zamboni (2001) e Zamponi (2005) que abordam questões relativas à formação do gênero de divulgação científica. Além desses, contemplamos, dentre outros, Mondada & Dubois (1995), sobre o processo de referenciação e Tardif (2002) no que se refere à formação docente. Vale ressaltar que ao longo da análise foi possível constatarmos que o modo como os divulgadores dispõem as informações a respeito do ensino da produção textual escrita parecem considerarem um professor-leitor, que se encontre inserido no processo de formação continuada.
Abstract: The discussion on teachers’ formation cannot omit the aspects concerning the written material produced for the teacher to serve as a source of theoretical and methodological information in language teaching. In this study we try to describe how the teacher’s manual is organized so that it can accomplish its aims. Moreover, it aims at identifying the types of theoretical sources which are activated both in the textuality construction and during the reading of the manual by the teachers who participated this study. To accomplish these aims, we analyzed two teacher’s manuals present in textbooks used in secondary grades in Brazil named ‘Português: linguagens’, by Cereja & Magalhães (2003) and ‘Português – de olho no mundo do trabalho’ by Terra & Nicola (2005). We also analyzed the reading that two secondary teachers did on the two manuals. The analysis permitted to categorize the teacher’s manual as a textual genre devoted primarily to the presentation of scientific concepts and only secondarily to present methodological support. This fact produces two distinct references: the theoretical-academic and the school-methodolocal ones, also present in the two teachers’ readings. The main theoretical base for these results is formed by Bakhtin (2003) on his idea about the constitution the textual genres in relation to the reader’s active response, by the studies of Leibruder (2001) and Zambony (2001, 2005) concerning the aspects involved in the construction of the scientific popularization genres. Also contributed to our analysis Mondada & Dubois (1995), with their studies about the reference construction process, and Tardif (2002)’s approach on the teacher’s formation. It is worth mentioning that during the analysis process it was possible to conclude that the way the manuals’ authors organize the information concerning the teaching of the written text production seems to be addressed to a reader/teacher which is included in a continuous formation process.
Keywords: Manual do Professor de Língua Portuguesa
Língua Portuguesa - Manual do Professor
Formação Docente
Referência Acadêmico-Teórica
Referência Escolar-Metodológica
Caracterização do Gênero - Literatura
Livro Didático de Português
Portuguese Language Teacher's Manual
Representação da Língua Portuguesa - Manuais
???metadata.dc.subject.cnpq???: Educação.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1669
Appears in Collections:Mestrado em Linguagem e Ensino.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GEOVANA SOUSA NÓBREGA - DISSERTAÇÃO POSLE 2008..pdfGeovana Sousa Nóbrega - Dissertação POSLE 2008.37.54 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.