Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1702
Title: Política agrária e o desenvolvimento socioeconômico em assentamentos emancipados - o caso Mucatu.
Other Titles: Agrarian policy and socioeconomic development in emancipated settlements - the Mucatu case.
???metadata.dc.creator???: LEBSA, Nadine Gualberto Agra.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: SANTOS, Robério Ferreira dos.
Keywords: Política agrária;Desempenho sócioeconômico;Assentamentos rurais emancipados;Assentamento Mucutu - Paraíba;Direitos da população rural;Assistencia à saúde - campo;Economia Rural;Agricultural policy;Rural Settlements
Issue Date: 2002
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: LEBSA, Nadine Gualberto Agra. Política agrária e o desenvolvimento socioeconômico em assentamentos emancipados - o caso Mucatu.2002. 162f. (Dissertação de Mestrado em Economia Rural e Regional), Programa de Pós-graduação em Economia Rural e Regional, Centro de Humanidades, Universidade Federal de Campina Grande - Paraíba - Brasil, 2002.
???metadata.dc.description.resumo???: A situação de pobreza do homem do campo brasileiro vem sendo configurada ao longo da história, e aparece como resultado da concentração fundiária e das políticas agrícolas voltadas, basicamente, para atender às necessidades de acumulação do capital no campo. Nesse cenário de desigualdades, os conflitos e a violência no campo vêm aumentando, levando à formação de projetos de assentamentos. Esse trabalho tem como objetivo analisar a capacidade de auto-sustentação do projeto de assentamento emancipado Mucatu, localizado no Litoral Sul paraibano. Chegou-se a conclusão que as políticas de reforma agrária não foram aplicadas corretamente pelo INCRA; como consequência, apenas alguns agricultores se encontram em condições de produzir e comercializar seus produtos; a grande maioria, contudo, enfrenta dificuldades como a falta de crédito, de assistência técnica, e de assistência médico-hospitalar. pragas nas lavouras, enfraquecimento da associação e queda da renda familiar, o que leva à afirmação que Mucatu foi emancipado sem as devidas condições de auto-sustentação.
Abstract: The situation of poverty of the man of the Brazilian field comes being configured to the long one of history, and appears as resulted of the agrarian concentration and the come back agricultural politics, basically, to take care of to the necessities of accumulation of the capital in the field. In this scene of inaqualities, the conflicts and the violence in the field come magnifying, leading to the formation of designs of nestings. This work has as objective to analvze the capacity of self-sustainment of the design of emancipated nesting Mucatu. located in the paraibano South Coast. It was arrived conclusion that the politics of agrarian reform had not been applied correctly by the INCRA; as consequence, only some agriculturists if find in conditions to produce and to commercialize its products: the great majority, however, faces difficulties as the lack of credit. assistance technique. and health care assistance. plagues in the farmings. weakness of the association and fali of the familiar income. what it leads to the affirmation that Mucatu was emancipated without the had conditions of self-sustainment.
Keywords: Política agrária
Desempenho sócioeconômico
Assentamentos rurais emancipados
Assentamento Mucutu - Paraíba
Direitos da população rural
Assistencia à saúde - campo
Economia Rural
Agricultural policy
Rural Settlements
???metadata.dc.subject.cnpq???: Economia.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1702
Appears in Collections:Mestrado em Economia Rural e Regional.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
NADIGE GUALBERTO AGRA LEBSA - DISSERTAÇÃO PPGERR 2002..pdfNadine Gualberto Agra Lebsa - Dissertação PPGERR 2002.31.66 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.