Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1923
Title: Narrativas sobre o culto à Cruz da Baixa Rasa em Crato/CE: Sensibilidades mimetizadas.
Other Titles: Narratives on the cult of the Low Rasa Cross in Crato / CE: Sensitivities mimicked.
???metadata.dc.creator???: SALES, Ana Cristina de.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: LIMA, Marinalva Vilar de.
???metadata.dc.contributor.referee1???: MONTENEGRO, José Benjamim.
???metadata.dc.contributor.referee2???: BATISTA, Mércia Rejane Rangel.
Keywords: Religiosidade;Devoção popular;Culto religioso - CE;Cruz da Baixa Rasa - Crato - CE;Romarias - Crato - CE;Milagres - Cruz Baixa Rasa - CE;História Oral;História Cultural;Festa religiosa - CE;Religiosidade popular;Lugar de memória;Cultural History;Popular devotion;Oral History
Issue Date: 2014
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: SALES, Ana Cristina de. Narrativas sobre o culto à Cruz da Baixa Rasa em Crato/CE: Sensibilidades mimetizadas. 2014. 151f. (Dissertação de Mestrado em História), Programa de Pós-graduação em História, Centro de Humanidades, Universidade Federal de Campina Grande - Paraíba - Brasil, 2014.
???metadata.dc.description.resumo???: O texto discute a construção das memórias sobre o culto religioso à Cruz da Baixa Rasa que se dá na zona rural do Crato-CE, esta memória se constitui a partir da origem da morte de um homem que teria se perdido na Floresta Nacional do Araripe (FLONA), com seu cavalo e um cachorro à procura de uma boiada. Acontecimento que teria ocorrido no final do século XIX e foi responsável por despertar, na população do cariri cearense, múltiplas sensibilidades que deram origem a crença de que o morto passara a realizar milagres, havendo narrativas que retroagem ao ano de 1914, como marco do alcance de graças por parte dos fiéis. Constituiu-se então uma tradição na forma de um culto e, desde então, os devotos passaram a celebrar o monumento erigido no local e a realizar homenagens póstumas todo dia 25 de janeiro, alimentando um ciclo de romarias na localidade. São muitos os milagres atribuídos à Cruz da Baixa Rasa e, por isso, alguns religiosos foram enterrados nas proximidades desse monumento. No ano de 2002 as autoridades responsáveis pelo local proibiram os sepultamentos, mas muitos dos devotos demonstram o desejo de serem enterrados neste espaço como uma forma de estarem próximos de seu intercessor. Neste sentido, o estudo proposto toma como fonte principal o material coletado a partir da aplicação da história oral, não se restringindo a esta, e se ancora na perspectiva teórica da história cultural.
Keywords: Religiosidade
Devoção popular
Culto religioso - CE
Cruz da Baixa Rasa - Crato - CE
Romarias - Crato - CE
Milagres - Cruz Baixa Rasa - CE
História Oral
História Cultural
Festa religiosa - CE
Religiosidade popular
Lugar de memória
Cultural History
Popular devotion
Oral History
???metadata.dc.subject.cnpq???: História.
Ciência das Religiões.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/1923
Appears in Collections:Mestrado em História.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ANA CRISTINA DE SALES - DISSERTAÇÃO PPGH 2014..pdfAna Cristina de Sales - Dissertação PPGH 2014.2.61 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.