Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/21716
Title: Representações sociais sobre violência doméstica contra a mulher sob o olhar dos enfermeiros da estratégia de saúde da família.
Other Titles: Social representations of domestic violence against women under the view of nurses in the family health strategy.
Representaciones sociales de la violencia doméstica contra la mujer bajo el visión del enfermero en la estrategia de salud de la familia.
???metadata.dc.creator???: CAVALCANTI, Luzianne Teotonio.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: LEANO, Heloisy Alves de Medeiros.
???metadata.dc.contributor.referee1???: NOGUEIRA, Matheus Figueiredo.
???metadata.dc.contributor.referee2???: RAMALHO, Millena Cavalcanti.
Keywords: Violência doméstica;Mulher - violência;Saúde da família - violência doméstica - acolhimento;Enfermeiro - vítima de violência - acolhimento;Enfermeiro - saúde da família - cuidado;Violência contra a mulher;Domestic violence;Woman - violence;Family health - domestic violence - host;Nurse - victim of violence - host;Nurse - family health - care;violence against women;La violencia doméstica;Mujer - violencia;Salud familiar - violencia doméstica - anfitrión;Enfermera - víctima de violencia - anfitrión;Enfermera - salud familiar - cuidado;la violencia contra las mujeres
Issue Date: 8-Oct-2021
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: CAVALCANTI, Luzianne Teotonio. Representações sociais sobre violência doméstica contra a mulher sob o olhar dos enfermeiros da estratégia de saúde da família. 2021. 39 fl. (Trabalho de Conclusão de Curso – Monografia), Curso de Bacharelado em Enfermagem, Centro de Educação e Saúde, Universidade Federal de Campina Grande, Cuité – Paraíba – Brasil, 2021.
???metadata.dc.description.resumo???: A violência doméstica é um problema de saúde que perpassa gerações. As unidades de saúde da família são porta de entrada para acolhimento das vítimas e encaminhamento na rede de atenção, e o enfermeiro, coordenador do gerenciamento desse cuidado em equipe, deve ser qualificado para prestar assistência. Objetivou-se neste estudo analisar as representações sociais de enfermeiros da estratégia de saúde da família acerca da violência doméstica contra a mulher. O estudo é tipo qualitativo, descritivo e exploratório, e foi realizado em Cuité, cidade do Curimataú paraibano. Os sujeitos são enfermeiros das unidades de saúde da família, totalizando 07 profissionais. Os dados foram coletados no mês de março de 2021, através de um Teste de Associação Livre de Palavras, com o termo indutor “violência doméstica contra a mulher”. A análise de dados foi realizada por meio do software IRAMUTEQ, no qual foi utilizada a análise prototípica, que permite analisar a Frequência e a Ordem Média de Evocações das palavras. Todos os preceitos éticos foram respeitados. Os resultados demonstraram a atitude negativa dos enfermeiros participantes a respeito do termo indutor. O sentimento de sofrimento e medo esteve em evidência nos resultados. Além disso, foi evocado o machismo estrutural como influência no comportamento violento masculino. O estudo é necessário para uma reflexão sobre a atenção dos enfermeiros na assistência à mulher vítima de violência doméstica, bem como o que eles pensam sobre esses atos, para que melhores alternativas de cuidado a essas mulheres sejam vislumbradas.
Abstract: Domestic violence is a health problem that spans generations. Family health units are the gateway to welcoming victims and referring them to the care network, and the nurse, who coordinates the management of this care in a team, must be qualified to provide assistance. The aim of this study was to analyze the social representations of nurses in the family health strategy about domestic violence against women. The study is qualitative, descriptive and exploratory, and was carried out in Cuité, city of Curimataú, Paraíba. The subjects are nurses from family health units, totaling 07 professionals. Data were collected in March 2021, through a Free Word Association Test, with the inductive term “domestic violence against women”. Data analysis was performed using the IRAMUTEQ software, in which the prototypical analysis was used, which allows analyzing the Frequency and Average Order of Evocations of words. All ethical precepts were respected. The results demonstrated the negative attitude of the participating nurses regarding the inductive term. The feeling of suffering and fear was evident in the results. Furthermore, structural machismo was evoked as an influence on male violent behavior. The study is necessary for a reflection on the nurses' attention in assisting women victims of domestic violence, as well as what they think about these acts, so that better care alternatives for these women are envisioned.
???metadata.dc.description.resumen???: La violencia doméstica es un problema de salud que se extiende por generaciones. las unidades Los servicios de salud familiar son la puerta de entrada para acoger a las víctimas y remitirlas al red asistencial, y la enfermera, coordinadora de la gestión de este equipo asistencial, debe estar calificado para brindar asistencia. El objetivo de este estudio fue analizar la Representaciones sociales de enfermeras en la estrategia de salud familiar sobre violencia. violencia doméstica contra la mujer. El estudio es cualitativo, descriptivo y exploratorio, y fue realizado en Cuité, ciudad de Curimataú de Paraíba. Los sujetos son enfermeras del unidades de salud familiar, totalizando 07 profesionales. Los datos se recopilaron en el mes Marzo de 2021, a través de una Prueba de Asociación de Palabras Gratis, con el término inductor de “violencia doméstica contra la mujer”. El análisis de datos se realizó utilizando el Software IRAMUTEQ, en el que se utilizó el análisis prototípico, que permite analizar la Frecuencia y orden medio de las evocaciones de palabras. Todos los preceptos éticos fueron respetado. Los resultados mostraron la actitud negativa de las enfermeras participantes hacia respecto al término inductor. El sentimiento de sufrimiento y miedo se hizo evidente en el resultados. Además, se evocó el machismo estructural como una influencia en la comportamiento violento masculino. El estudio es necesario para una reflexión sobre la atención de enfermeras en la asistencia a mujeres víctimas de violencia doméstica, así como que piensen en estos actos, para que mejores alternativas de cuidado a estos se vislumbran mujeres.
Keywords: Violência doméstica
Mulher - violência
Saúde da família - violência doméstica - acolhimento
Enfermeiro - vítima de violência - acolhimento
Enfermeiro - saúde da família - cuidado
Violência contra a mulher
Domestic violence
Woman - violence
Family health - domestic violence - host
Nurse - victim of violence - host
Nurse - family health - care
violence against women
La violencia doméstica
Mujer - violencia
Salud familiar - violencia doméstica - anfitrión
Enfermera - víctima de violencia - anfitrión
Enfermera - salud familiar - cuidado
la violencia contra las mujeres
???metadata.dc.subject.cnpq???: Enfermagem de Saúde Pública
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/21716
Appears in Collections:Curso de Bacharelado em Enfermagem - CES - Monografias 02

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LUZIANNE TEOTONIO CAVALCANTI - TCC BACHARELADO EM ENFERMAGEM CES 2021.pdfLuzianne Teotonio Cavalcanti - TCC Bacharelado em Enfermagem CES 20211.27 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.