Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/22042
Title: Relato de experiências com sistemas agroflorestais em unidades familiares do Semiárido Paraibano: entre a convivência e as mudanças climáticas.
Other Titles: Report of experiences with agroforestry systems in family units of the semiarid region of paraíba: between surviving and climate change.
???metadata.dc.creator???: LUCENA, Rosivânia Jerônimo.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: LIMA, Joedla Rodrigues de.
???metadata.dc.contributor.referee1???: ARAÚJO, Irenaldo Pereira de.
???metadata.dc.contributor.referee2???: BAKKE, Ivonete Alves.
Keywords: Sistemas agroflorestais - unidades familiares;Relato de experiência - manejo de sistemas;Agroflorestais;Agricultura familiar;Mudanças climáticas;Convivência com o Semiárido;Semiárido Paraibano;Semiárido Brasileiro;Bioma Caatinga;Degradação ambiental - semiárido;Desertificação - Semiárido Brasileiro;Manejo de sistemas agroflorestais;Análise da fertilidade do solo - sistemas;Agroflorestais;Mitigação da desertificação - Semiárido;Paraibano;Agroforestry systems - family units;Experience report - management of agroforestry systems;Family farming;Climate changes;Coexistence with the Semiarid Region;Paraiba semiarid;Brazilian semiarid;Caatinga Biome;Environmental degradation - semiarid;Desertification - Brazilian Semiarid Region;Management of agroforestry systems;Soil fertility analysis - agroforestry systems;Desertification mitigation - Semi-arid Paraiba
Issue Date: 7-Mar-2019
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: LUCENA, Rosivânia Jerônimo de. Relato de experiências com sistemas agroflorestais em unidades familiares do Semiárido Paraibano: entre a convivência e as mudanças climáticas. 2019. 68f. (Dissertação de Mestrado) Programa de Pós-Graduação em Ciências Florestais, Centro de Saúde e Tecnologia Rural, Universidade Federal de Campina Grande - Paraíba - Brasil, 2019. Disponível em: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/22042
???metadata.dc.description.resumo???: Desde o início do processo de colonização nas regiões de Caatinga, o extrativismo predatório dos recursos naturais de solo e de vegetação são características comuns dos sistemas de produção agrícola. Dessa maneira, faz-se necessária uma mudança na forma de se produzir, dado que as mudanças climáticas enfrentadas atualmente são um alerta para o fato de que os ecossistemas não estão suportando mais o modelo agropecuário que vem sendo praticado. Para isso, modelos de uso da terra com práticas sustentáveis baseados em Sistemas Agroflorestais (SAFs) são uma alternativa para alavancar essa mudança. Desse modo, o presente estudo teve como objetivo avaliar a organização dinâmica de agroecossistemas familiares no Semiárido paraibano, incluindo SAFs, como resposta ao processo de mudanças climáticas e desertificação, contribuindo para melhoria das condições socioeconômicas de famílias agricultoras. Foram avaliados quatro experiências de agroecossistemas familiares, sendo uma no Sítio Trincheiras município de Patos-PB, voltada para produção animal e sistema agroflorestal, duas no município de São José do Sabugi-PB, sendo que a primeira está no Sítio Nova Conquista e possui um Sistema Agroflorestal e a segunda no Sítio Paquetinha, que é voltada para captação de água e manejo do solo. Outra situa-se no município de Santana dos Garrotes-PB, no Sítio Curral Velho, voltada para criação animal, armazenamento de forragem e recuperação de área degradada. Constatou-se que os SAFs estudados contribuem de forma direta na dinâmica e sustentabilidade produtiva das propriedades rurais onde estão inseridos, garantido às famílias agricultoras segurança alimentar e incremento na sua renda mensal. Com relação à percepção dos agricultores sobre os efeitos das mudanças climáticas e desertificação, foi observado que o principal efeito sentido atribuído às mudanças climáticas é a irregularidade da chuva na região, o que provoca o prolongamento dos períodos de estiagem e o aumento da temperatura. Com a relação à desertificação, o principal efeito sentido foi a perda da fertilidade do solo. Quanto às três principais medidas adotadas pelos agricultores para mitigar esses efeitos, foram o armazenamento da água da chuva, a recuperação de áreas degradadas e a recomposição da vegetação nativa.
Abstract: Since the beginning of the colonization process in the Caatinga regions, the predatory extractivism of the natural resources of soil and vegetation are common characteristics of agricultural production systems. In this way a change in the way of production is necessary, given that the current climate changes are a warning to the fact that ecosystems are no longer supporting the agricultural model that has been practiced. For this, models of land use with sustainable practices based on Agroforestry Systems (SAFs) are an alternative to improve this change. Thus, the present study aims to evaluate the dynamic organization of family agroecosystems in the semiarid region of Paraiba, including SAFs, as a response to the climate change process and desertification contributing to the improvement of the socioeconomic conditions of agricultural families. Four experiments of family agroecosystems were evaluated, being the one in the Trincheiras Farm in PatosPB, focused on animal production and agroforestry systems, two more in the municipality of São José do SabugiPB, where the first is in Nova Conquista Farm and has an Agroforestry System and the second in the Paquetinha Farm that is focused on water abstraction and soil management. And the other in the municipality of Santana dos GarrotesPB in the Curral Velho Farm aimed at animal husbandry, forage storage and degraded area recovery. It was found that the SAFs studied directly contribute to the dynamics and productive sustainability of the rural properties where they are inserted, guaranteeing to the agricultural families food security and an increase in the family's monthly income. Regarding farmers' perceptions of the effects of climate change and desertification, it was observed that the main effect attributed to climate change is the irregularity of rainfall in the region, which causes the prolongation of drought periods and the increase in temperature, with the relation desertification the main effect was the loss of soil fertility. The three main measures taken by farmers to mitigate these effects were the storage of rainwater, the recovery of degraded areas and the restoration of native vegetation.
Keywords: Sistemas agroflorestais - unidades familiares
Relato de experiência - manejo de sistemas
Agroflorestais
Agricultura familiar
Mudanças climáticas
Convivência com o Semiárido
Semiárido Paraibano
Semiárido Brasileiro
Bioma Caatinga
Degradação ambiental - semiárido
Desertificação - Semiárido Brasileiro
Manejo de sistemas agroflorestais
Análise da fertilidade do solo - sistemas
Agroflorestais
Mitigação da desertificação - Semiárido
Paraibano
Agroforestry systems - family units
Experience report - management of agroforestry systems
Family farming
Climate changes
Coexistence with the Semiarid Region
Paraiba semiarid
Brazilian semiarid
Caatinga Biome
Environmental degradation - semiarid
Desertification - Brazilian Semiarid Region
Management of agroforestry systems
Soil fertility analysis - agroforestry systems
Desertification mitigation - Semi-arid Paraiba
???metadata.dc.subject.cnpq???: Ciências Florestais.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/22042
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Florestais.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ROSIVÂNIA JERÔNIMO DE LUCENA - DISSERTAÇÃO PPGCF 2019.pdfRosivânia Jerônimo de Lucena - Dissertação PPGCF 2019.2.12 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.