Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/2219
Title: O ser e o ter: camponeses, práticas tecnológicas e políticas (um estudo em Lagoa Seca-Paraíba).
Other Titles: The being and the have: Peasants, technological and political practices (a study in Lagoa Seca - Paraíba).
???metadata.dc.creator???: FREITAS, Geovani Jacó de.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: CAVALCANTI, Josefa Salete Barbosa.
???metadata.dc.contributor.referee1???: DUQUE, Ghislaine
???metadata.dc.contributor.referee2???: SALES, Ivandro da Costa.
Keywords: Campesinato;Camponeses;Lagoa Seca - PB - Agricultor Familiar;Produtores de Economia Familiar;Trabalho Familiar Camponês;Dinâmica Camponesa;Movimento Sindical do Campo;Sindicalismo Camponês;Processo de Produção Camponesa;Sindicalismo Rural;Pequenos Produtores Rurais;Ser e Ter;Sociologia Rural;Peasantry;Peasants;Family Economy Producers;Field Trade Union Movement;Rural Syndicalism
Issue Date: 28-Aug-1993
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: FREITAS, Geovani Jacó de. O ser e o ter: camponeses, práticas tecnológicas e políticas (um estudo em Lagoa Seca-Paraíba). 1993. 203f. (Dissertação de Mestrado em Sociologia Rural), Curso de Mestrado em Sociologia Rural, Centro de Humanidades, Universidade Federal da Paraíba - Campina Grande - PB - Campus II - Brasil, 1993.
???metadata.dc.description.resumo???: Este estudo analisa a organização do trabalho nas unidades de produção dos produtores de economia familiar do município de Lagoa Seca - Paraíba, a partir do seu modo de sentir, pensar e agir, e as práticas tecnológicas desse processo, entendidas enquanto práticas orientadoras do fazer cotidiano desses produtores. . análise aqui empreendida nos revela a importância da organização do trabalho familiar enquanto eixo que fundamenta o sentido do SER e do TER da dinâmica camponesa, através do qual as demais práticas, inclusive as práticas tecnológicas, se revestem de significados que lhe estão organicamente vinculadas. sas práticas tecnológicas, por sua vez, são incorporadas, negadas ou recriadas pelos agricultores estudados, a partir de critérios avaliativos relacionados à preservação da terra e à reprodução econômica e social da unidade familiar. Tais práticas, quando expressadas a partir da lógica cotidiana do grupo estudado, têm se constituído em estratégias de sobrevivência que são construídas, não sem ambigüidades e tensões, inseridas na própria idiossincrasia do pequeno produtor. Por fim, este estudo aponta para os desafios a serem enfrentados pelo movimento sindical no sentido de acumular discussões e incorporar ao conteúdo de suas ações estratégicas o caráter político com que se reveste a questão da tecnologia no processo de produção camponesa. O grupo referencial de informantes da pesquisa de campo foram os agricultores organizados em torno da oposição sindical rural de Lagoa Seca-Paraíba, com os quais realizamos um processo de pesquisa participante que orientou todas as atividades de investigação da realidade dos pequenos produtores considerados e suas ações em torno do resgate do papel político do seu sindicato.
Abstract: This study analyzes the organization of work in the production units of family economy producers of the municipality of Lagoa Seca - Paraíba, based on their way of feeling, thinking and acting, and the technological practices of this process, understood as practices guiding the daily practice producers. . analysis here reveals the importance of the organization of family work as the axis that underlies the sense of the SER and the TER of peasant dynamics, through which other practices, including technological practices, are endowed with meanings which are organically linked to it. technological practices, in turn, are incorporated, denied or recreated by the farmers studied, based on evaluation criteria related to the preservation of land and the economic and social reproduction of the family unit. Such practices, when expressed from everyday logic of the studied group, have been constituted in strategies of survival that are constructed, not without ambiguities and tensions, inserted in the own idiosyncrasy of the small producer. Finally, this study points to the challenges to be faced by the trade union movement in order to accumulate discussions and to incorporate into the content of its strategic actions the political character of the technology in the peasant production process. The reference group of informants in the field research were farmers organized around the rural trade union opposition of Lagoa Seca-Paraíba, with which we conducted a participatory research process that guided all research activities of the reality of the small producers considered and their actions around the rescue of the political role of their union.
Keywords: Campesinato
Camponeses
Lagoa Seca - PB - Agricultor Familiar
Produtores de Economia Familiar
Trabalho Familiar Camponês
Dinâmica Camponesa
Movimento Sindical do Campo
Sindicalismo Camponês
Processo de Produção Camponesa
Sindicalismo Rural
Pequenos Produtores Rurais
Ser e Ter
Sociologia Rural
Peasantry
Peasants
Family Economy Producers
Field Trade Union Movement
Rural Syndicalism
???metadata.dc.subject.cnpq???: Ciências Sociais.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/2219
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Sociais.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
GEOVANI JACÓ DE FREITAS - DISSERTAÇÃO UFPB 1993..pdfGeovani Jacó de Freitas - Dissertação PPGCS 1993.27.02 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.