Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/2365
Title: Desenvolvimento e avaliação de extratos de maracujá (Passiflora edulis) no tratamento de feridas cutâneas desenvolvidas em ratos wistar.
Other Titles: Development and evaluation of passion fruit extracts (Passiflora edulis) in the treatment of skin wounds developed in wistar rats.
???metadata.dc.creator???: GONÇALVES, Chirlaine Cristine.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: GOMES, Josivanda Palmeira.
???metadata.dc.contributor.advisor2???: FOOK, Marcus Vinicius Lia.
???metadata.dc.contributor.referee1???: ALMEIDA, Francisco de Assis Cardoso.
???metadata.dc.contributor.referee2???: QUEIROZ, Alexandre José de Melo.
???metadata.dc.contributor.referee3???: HOLANDA, Adriana Lima de.
???metadata.dc.contributor.referee4???: BARROS NETO, Jaime José da Silveira.
Keywords: Passiflora edulis.;Extrato vegetal.;Lesões cutâneas.;Cicatrização.;Ratos Wistar.;Plant extract.;Skin lesions.;Healing.;Wistar rats.
Issue Date: 17-Oct-2013
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: GONÇALVES, Chirlaine Cristine. Desenvolvimento e avaliação de extratos de maracujá (Passiflora edulis) no tratamento de feridas cutâneas desenvolvidas em ratos wistar. 2013. 99 f. Tese (Doutorado em Engenharia de Processos) – Centro de Ciências e Tecnologia, Universidade Federal de Campina Grande, Paraíba, Brasil, 2013.
???metadata.dc.description.resumo???: O desenvolvimento, a demanda e a oferta dos fitoterápicos em curativos tem aumentado gradati-vamente com estudos científicos em diversas áreas tecnológicas, com o intuito de baratear o ma-terial, fazendo surgir a necessidade de conhecer novos insumos utilizados na regeneração tecidu-al, principalmente os de origem vegetal, visto que estes compostos podem constituir-se em im-portantes agentes de controle da cicatrização devido à fácil obtenção e utilização, além disso, sabe-se que as maiores espécies com fins medicamentosos do mundo estão no Brasil, o que tem feito o país investir em políticas públicas direcionadas as chamadas práticas integrativas e com-plementares. Esta pesquisa teve como objetivo geral desenvolver e avaliar o extrato vegetal das folhas de Passiflora edulis, no tratamento de lesões cutâneas em ratos Wistar. A pesquisa teve como cenários o Laboratório de Processamento e Armazenamento de Produtos Agrícolas da UFCG, o laboratório de microbiologia e imunologia e o biotério da FCM-CG, a Diagnovet e o laboratório de Patologia F. Diniz. Para obtenção do extrato hidroalcóolico foi utilizada as folhas da Passiflora edulis, coletadas em um pomar experimental no município de Lagoa Seca, perten-cente a Empresa Estadual de Pesquisa Agropecuária da Paraíba de plantas adultas no mês de se-tembro de 2012. Foram utilizados na pesquisa 28 ratos Wistar, que foram divididos em quatro grupos, a saber: grupo que utilizou extrato a 100% (GE10), grupo que utilizou extrato a 50% (GE5), grupo controle que utilizou água destilada (GC), grupo que utilizou clorexidina a 1% (GEC). Para contaminação dos animais foi empregado o método de difusão em agar, das cepas bacterianas de Staphylococcus aureus, incubadas em caldo de Bain Hart Infusion. As substâncias utilizadas no estudo foram aplicadas durante 21 dias. A análise macroscópica foi realizada pela captação de imagens através de câmera digital e preenchimento diário de uma ficha previamente elaborada para este fim. No que se refere aos dados relacionados a citotoxidade foram analisados os resultados bioquímicos das concentrações de TGP/ALT, creatinina e ureia, além dos histológi-cos da pele, fígado e rim dos animais. Para o cálculo de área foi utilizado o programa Auto-Cad/Aurodesk, sendo utilizado para análise estatística o software Assistat versão 7.7. Observou-se através da media vertical e horizontal das lesões uma diferença no fechamento da lesão cutâ-nea no sentido horizontal, sendo esse fechamento mais acelerado nos animais que fizeram uso do extrato hidroalcóolico das folhas da Passiflora edulis a 100% (15,49 mm), comparado ao extrato a 50% (17,54 mm), à água destilada (17,84) e a clorexidina a 1% (19,83 mm); consequentemente os animais do grupo GE10, apresentaram uma área de lesão inferior aos demais no 21° dia de tratamento. Com relação ao tempo, verificou-se maior fechamento da lesão horizontal a medida que este avança, em que no final de 21 dias a eficiência foi de 61,13% (11,66 mm) em relação ao tamanho da lesão inicial (30 mm). A análise da variância relacionada a proliferação vascular, fibroblástica, a colageneização e a reepitelização nas lesões encontradas no último dia da pesqui-sa, revelou resultado bastante significativo, sendo possível observar que houve uma evolução positiva no que se refere ao processo de cicatrização, nos animais que utilizaram o extrato. Não foi detectada nenhuma alteração renal nem hepática nos animais que utilizaram o extrato em estudo Conclui-se que o uso tópico em ratos, do extrato de Passiflora edulis, apresenta efeito significativo no processo de cicatrização das lesões cutâneas estudados, com destaque para con-centração de 100%.
Keywords: Passiflora edulis.
Extrato vegetal.
Lesões cutâneas.
Cicatrização.
Ratos Wistar.
Plant extract.
Skin lesions.
Healing.
Wistar rats.
???metadata.dc.subject.cnpq???: Engenharias.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/2365
Appears in Collections:Doutorado em Engenharia de Processos.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CHIRLAINE CRISTINE GONÇALVES - TESE PPGEP 2013.pdf6.3 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.