Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/25077
Title: Avaliação da sustentabilidade da caprinocultura leiteira no cariri ocidental paraibano: uma adaptação metodológica.
???metadata.dc.creator???: BARBOSA, Robson Fernandes.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: AGUIAR, José Otávio.
???metadata.dc.contributor.referee1???: MARTINS, Maria de Fátima.
???metadata.dc.contributor.referee2???: SILVA, Viviane Farias.
???metadata.dc.contributor.referee3???: ARAÚJO, Tiago Gonçalves Pereira.
???metadata.dc.contributor.referee4???: ESCOBAR, Marco Lunardi.
Keywords: Produção de leite de cabra;MESMIS;Capital Social;Goat farming of milk;Social Capital
Issue Date: 12-Aug-2021
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: BARBOSA, Robson Fernandes. Avaliação da sustentabilidade da caprinocultura leiteira no cariri ocidental paraibano: uma adaptação metodológica. 191 f. Tese (Doutorado em Engenharia e Gestão de Recursos Naturais) – Programa de Pós-Graduação em Recursos Naturais, Centro de Tecnologia e Recursos Naturais, Universidade Federal de Campina Grande, Paraíba, Brasil, 2021.
???metadata.dc.description.resumo???: A caprinocultura leiteira representa uma importante atividade produtiva para a região Nordeste, com destaque para o Estado da Paraíba, sendo o maior produtor nacional de leite caprino, segundo o último Censo Agropecuário do IBGE (2017). Diante disso, buscou-se avaliar a sustentabilidade da caprinocultura leiteira a partir de um sistema de indicadores voltados para região do Cariri Ocidental paraibano por meio da inclusão do capital social no método MESMIS (Marco para a Avaliação de Sistemas de Manejo de Recursos Naturais Incorporando Indicadores de Sustentabilidade). Em termos metodológicos, o estudo foi realizado seguindo as etapas do modelo MESMIS, onde percebeu-se uma lacuna metodológica em seu critério de avaliação, sendo necessário a inclusão da variável capital social para retratar de forma mais fidedigna e precisa a realidade do objeto de estudo. Em termos metodológicos, utilizou-se de entrevistas, aplicação de questionários, registros fotoGráficos e visitas in loco que proporcionou a coleta dos dados primários. Tais dados foram analisados através da utilização de técnicas quantitativas e qualitativas. Neste sentido, foi criado um conjunto de 38 indicadores distribuídos entre 6 atribuídos de análise, o que permitiu visualizar os aspectos que necessitam de melhoria para o alcance da sustentabilidade pelos sistemas avaliados. O resultado da pesquisa apontou que a caprinocultura leiteira no Cariri Ocidental se encontra dentro do intervalo de 0,39-0,69, ou seja, média contribuição para a sustentabilidade segundo os parâmetros adotados neste estudo. Portanto, Índice de Sustentabilidade da Caprinocultura Leiteira (ISCAL) encontrado foi 0,55, isto significa que por mais que seja impactante a caprinocultura leiteira para esta região da Paraíba, índices abaixo de 0,69 não são considerados sustentáveis. Desta forma, alguns indicadores contribuíram para este desempenho indesejado, como por exemplo, o relacionado ao atraso do pagamento, com o pior índice, com 0,12, seguido pelo insuficiente mercado consumidor e a falta de canais de comercialização, ambos com 0,17. Assim, é necessário não só de mais políticas públicas de incentivo aos produtores de leite, em que apenas a compra governamental não é o suficiente para garantir um índice de sustentabilidade satisfatório para a caprinocultura leiteira, mas outras ações estratégicas são necessárias para que possibilite o escoamento da produção, alinhando a concepção de uma visão sistêmica e integrada da cadeia produtiva. Portanto, acredita-se que esta pesquisa poderá contribuir com um novo método de análise para a sustentabilidade de agroecossitemas, neste caso especifico, a caprinocultura de leite, servindo de ferramenta gerencial para o apoio da tomada de decisão em que envolvem as associações e/ou cooperativa, dando ênfase aos produtores de leite como protagonistas neste processo de mudança gerencial para uma agricultura familiar mais sustentável.
Abstract: Dairy goat farming represents an important productive activity for the Northeast region, with emphasis on the State of Paraíba, being the largest national producer of goat milk, according to the last IBGE Agricultural Census (2017). Therefore, we sought to assess the sustainability of dairy goat farming from a system of indicators aimed at the Western Cariri region of Paraíba through the inclusion of social capital in the MESMIS method (Framework for the Assessment of Management Systems for Natural Resources Incorporating Indicators of Sustainability) . In methodological terms, the study was carried out following the steps of the MESMIS model, where a methodological gap was noticed in its evaluation criteria, requiring the inclusion of the social capital variable to portray the reality of the object of study more reliably and accurately . In methodological terms, interviews, questionnaires, photographic records and on-site visits were used, which provided the collection of primary data. Such data were analyzed using quantitative and qualitative techniques. In this sense, a set of 38 indicators was created, distributed among 6 assigned for analysis, which allowed us to visualize the aspects that need improvement to achieve sustainability by the evaluated systems. The result of the research indicated that the dairy goats in Western Cariri is within the range of 0.39-0.69, that is, an average contribution to sustainability according to the parameters adopted in this study. Therefore, the Sustainability Index of Dairy Goat Farming (ISCAL) found was 0.55, which means that, despite the impact of dairy goat farming in this region of Paraíba, indexes below 0.69 are not considered sustainable. Thus, some indicators contributed to this undesirable performance, such as the one related to late payment, with the worst index, with 0.12, followed by the insufficient consumer market and the lack of sales channels, both with 0.17 . Thus, it is necessary not only for more public policies to encourage milk producers, in which government purchase alone is not enough to ensure a satisfactory sustainability index for dairy goats, but other strategic actions are necessary to enable the flow. of production, aligning the conception of a systemic and integrated vision of the production chain. Therefore, it is believed that this research can contribute with a new method of analysis for the sustainability of agroecosystems, in this specific case, the dairy goat, serving as a management tool to support decision-making involving associations and/or cooperative, emphasizing milk producers as protagonists in this process of managerial change towards more sustainable family farming.
Keywords: Produção de leite de cabra
MESMIS
Capital Social
Goat farming of milk
Social Capital
???metadata.dc.subject.cnpq???: Engenharia
Recursos Naturais
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/25077
Appears in Collections:Doutorado em Engenharia e Gestão de Recursos Naturais.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ROBSON FERNANDES BARBOSA – TESE (PPGEGRN) 2021.pdf10.71 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.