Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/3587
Title: Observações de longo prazo de ondas de gravidade de média escala sobre a região equatorial brasileira.
Other Titles: Long-term observation of medium scale gravity waves over brazilian equatorial region.
???metadata.dc.creator???: ESSIEN, Patrick.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: SILVA, Igo Paulino da.
???metadata.dc.contributor.advisor-co1???: MEDEIROS, Amauri Fragoso de.
???metadata.dc.contributor.referee1???: COSTA, Ricardo Arlen Buriti da.
???metadata.dc.contributor.referee2???: CUEVA, Ricardo Yvan de La Cruz.
Keywords: Aeroluminescência;Onda de Gravidade;Keogram;Vento Neutro;Aeroluminescence;Gravity Wave;Neutral Wind
Issue Date: 3-Dec-2015
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: ESSIEN, P. Observações de longo prazo de ondas de gravidade de média escala sobre a região equatorial brasileira. 2015. 89 f. Dissertação (Mestrado em Física) – Programa de Pós-Graduação em Física, Centro de Ciências e Tecnologia, Universidade Federal de Campina Grande, Paraíba, Brasil, 2015.
???metadata.dc.description.resumo???: Este projeto estudou as observações de longo prazo de ondas gravitacionais de média escala sobre a região equatorial brasileira. Como parte deste objetivo, 11 anos (2000 a 2010) medições de imagens de todas as imagens celestes de ondas de gravidade mesosféricas foram feitas com sucesso a partir de São João do Cariri (7.40oS, 36.50oW) do equador magnético. A observação a longo prazo forneceu medições contínuas das estruturas características das ondas de gravidade em escala média a serem analisadas. A análise de Keograms foi utilizada para determinar os parâmetros de 537 ondas gravitacionais de média escala observadas na emissão OH a 87km de altitude. As características foram estudadas, bem como a seansonalidade da direção de propagação da fase e a evolução dos MSGWs segundo o ciclo solar . O comprimento de onda horizontal máximo, o período observado e a velocidade da fase foram concentrados entre 100 a 150km, 20 a 40m / se 60 a 80 minutos, respectivamente. A anisotropia total da direção de propagação foi preferida ao Nordeste do local e foi mais significativa durante as estações de primavera e verão, entretanto o outono e o inverno foram uniformemente propagados. A teoria da camada crítica para filtragem de ondas gravitacionais foi aplicada ao conjunto de dados de 2003 para estudar os efeitos dos ventos atmosféricos médios na propagação de ondas gravitacionais de média escala. E descobriu-se que essas ondas eram menos suscetíveis aos efeitos de enchimento de vento, especialmente durante a temporada de verão. Observou-se também que parte da média escala foi capaz de se propagar para a baixa termosfera, onde eles podem ter atuado diretamente como sementes para o desenvolvimento da instabilidade de Rayleigh-Taylor. Não houve correlação direta entre a evolução dos MSGWs e a atividade do ciclo solar, portanto, pode-se concluir que os eventos de onda foram gerados principalmente na região equatorial do Brasil por processos meteorológicos. Finamente, foi afirmado que a metodologia keogram aparece como uma boa ferramenta para estudar as características espectrais dos MSGWs no MLT, uma vez que os resultados estão de acordo com a literatura.
Keywords: Aeroluminescência
Onda de Gravidade
Keogram
Vento Neutro
Aeroluminescence
Gravity Wave
Neutral Wind
???metadata.dc.subject.cnpq???: Física
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/3587
Appears in Collections:Mestrado em Física.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PATRICK ESSIEN – DISSERTAÇÃO (PPGF) 2015.pdf5.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.