Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/4311
Title: Os laços sociais, reciprocidade e solidariedade na agrovila Lagoa do Jogo - Remígio/PB: um estudo a partir dos fundos rotativos solidários.
Other Titles: The social bonds, reciprocity and solidarity in the agrovila lagoon of the game - Remígio / PB: a study from the rotating funds solidarity.
???metadata.dc.creator???: FULGÊNCIO , Fabricia Milena Grisi de Araújo.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: GOMES, Ramonildes Alves.
???metadata.dc.contributor.referee1???: BATISTA, Mércia Rejane.
???metadata.dc.contributor.referee2???: GONÇALVES, Alicia Ferreira.
Issue Date: 2014
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: FULGÊNCIO, Fabricia Milena Grisi Araújo. Os laços sociais, reciprocidade e solidariedade na agrovila Lagoa do Jogo - Remígio/PB: um estudo a partir dos fundos rotativos solidários. 2014. 126f. (Dissertação de Mestrado em Ciências Sociais) - Programa de Pós-graduação em Ciências Sociais, Centro de Humanidades, Universidade Federal de Campina Grande - Paraíba - Brasil, 2014.
???metadata.dc.description.resumo???: O texto desta dissertação se apoia em conceitos que nos ajudam a refletir sobre relações sociais diversas que permeiam a vida de indivíduos e grupos de maneira geral e, particularmente dos assentados da agrovila Lagoa do Jogo, no Projeto de Assentamento Oziel Pereira, município de Remígio - PB, conceitos como reciprocidade, solidariedade, cooperação e capital social se constituíram em pilares para sustentar os nossos argumentos. O objetivo principal é observar e analisar o modo como às relações sociais se operacionalizam entre os agricultores da agrovila tomando como referencia o funcionamento dos Fundos Rotativos Solidários, mas considerando também outras dinâmicas de reciprocidade, solidariedade e cooperação presentes na agrovila, portanto, o modo como as relações e práticas sociais opera na agrovila Lagoa do Jogo foi observada principalmente em torno do arranjo social dos Fundos Rotativos Solidários. Os FRSs são instrumentos de finanças solidárias direcionadas às comunidades que, em tese, praticam a autogestão dos referidos fundos, formando uma poupança voluntária para ser (re) investida na própria comunidade e em benefício dos que cooperam com o arranjo. Nossa hipótese explicativa é que para um funcionamento exitoso do Fundo Rotativo Solidário as práticas de solidariedade e reciprocidade são fundamentais, pois quanto mais fortes forem os laços vivenciados no cotidiano de um grupo maior será o sucesso no funcionamento do arranjo social e das atividades praticadas coletivamente. A metodologia utilizada para desenvolver a pesquisa empírica foi à etnografia, baseado em observação participante e entrevistas qualitativas. A pesquisa nos revelou que há práticas coletivas na agrovila, mas que os laços sociais de cooperação e reciprocidade estão enfraquecidos, influenciando diretamente no funcionamento dos Fundos Rotativos.
Abstract: The text of this dissertation gets support in concepts which help us to think about several social relationships that take part of the life of individuals and groups in general way and, particularly of the farmers which live on Lagoa do Jogo Hamlet, at Projeto de Assentamento Oziel Pereira, municipality of Remigio - PB, concepts such reciprocity, solidarity, cooperation and social earning have built themselves in buttress for to support our arguments. The objective main is to observe and to analyze the way as the social relationships are worked out between the farmers getting as reference the working of the Revolving Funds Solidarity, but considering others works of reciprocity, solidarity and cooperation present in the hamlets too, thus, how the relationships and social practices operates in Lagoa do Jogo hamlet was observed mostly around the social arrangement of Revolving Funds Solidarity. The FRSs are solidarity financial tools to communities which practice their self management, forming a volunteer saving for to be (re) invested in the own community and beneficial for the people that cooperate with the arrangement. Our explanatory hypothesis for a successful operation of the Revolving Fund Solidarity practices of solidarity and reciprocity are key, because the stronger ties are experienced in the daily life of a group greater success the functioning of the social arrangement and activities practiced collectively. The methodology used to develop empirical research was to ethnography, based on participant observation and qualitative interviews. . Although, the searching has showed that exist collective practices on hamlet, the social ties of cooperation and reciprocity are weakened, influencing directly in the working of the Revolving Funds.
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/4311
Appears in Collections:Mestrado em Ciências Sociais.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FABRICIA MILENA GRISI ARAÚJO FULGÊNCIO - DISSERTAÇÃO PPGCS 2014..pdfFabricia Milena Grisi Araújo Fulgêncio - Dissertação PPGCS 2014.18.86 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.