Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/4735
Title: Entre discursos e práticas: a inclusão digital e as desigualdades sociais.
Other Titles: Between discourses and practices: digital inclusion and social inequalities.
???metadata.dc.creator???: RODRIGUES, Nadja da Nóbrega.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: BATISTA, Mércia Rejane Rangel.
Keywords: Tecnologias de Informação e Comunicação;Sociedade em Rede;Inclusão Digital;Cidadania;Inclusão Social;Information and Communication Technologies;Network Society;Digital Inclusion;Citizenship;Social Inclusion
Issue Date: 2018
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: RODRIGUES, N. da N. Entre discursos e práticas: a inclusão digital e as desigualdades sociais. 2018. 441 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) – Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais, Centro de Humanidades, Universidade Federal de Campina Grande, Paraíba, Brasil, 2018.
???metadata.dc.description.resumo???: Esta tese tem como objetivo investigar as relações entre paradigmas, discursos, ações e a política pública brasileira de Inclusão Digital (ID), principalmente o uso da internet, no que diz respeito à promoção da cidadania e da inclusão social no mundo físico e virtual. Realizamos um estudo de caso em João Pessoa – PB. Baseadas em conceitoschave, observamos como as ações públicas de ID promovidas pelos governos e pelo Instituto Federal da Paraíba (IFPB) aproximaram os cidadãos das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC), e as contribuições dessas ações para os benefícios idealizados pela cibercultura, referentes à cidadania e à inclusão. Os resultados sugerem que as sociedades contemporâneas se conformam como redes apoiadas por TIC quanto a aspectos sociais, econômicos, políticos e culturais; embora as ações e políticas tragam em seus discursos elementos de inclusão, como se esse processo caminhasse no sentido universal, a globalização apresenta-se como processo seletivo de agentes nas redes; a investigação nos portais do governo sugere esforços em ações que corroboram com os discursos, inclusive em conexões com a multidimensionalidade da vida humana, mas existem contradições ocasionadas por discrepâncias e desigualdades nos processos de ID e, portanto, o resultado é o aumento ou a manutenção da exclusão; faz-se importante repensar o ciclo das políticas públicas, com decisões participativas e democráticas, e que envolvam governos, empresas, instituições e cidadãos; as experiências vivenciadas em ensino, pesquisa e extensão no IFPB, relacionando TIC e ID, em alguns momentos, conectaram-se às políticas de governo, e sugeriram que problemas de infraestrutura em alguns lugares não garantem sequer acesso a essas tecnologias, e que ações que desenvolvem a técnica sem conexão com a cidadania, diminuem o alcance dessas tecnologias em termos humanos, restringindo seus resultados sociais; a educação digital efetiva para inclusão requer sentido para TIC, respeito a contextos, qualificação cidadã, relações horizontais com comunidades, protagonismo destas nos ciclos das ações institucionais e políticas de governo.
Abstract: This thesis aims to investigate the relations between paradigms, discourses, actions and the brazilian public policy of Digital Inclusion (DI), especially the use of the Internet, in what concerns the promotion of citizenship and social inclusion in the physical and virtual world. We conducted a case study in João Pessoa – PB. Based on key concepts, we observed how the DI public actions promoted by the governments and the Federal Institute of Paraíba (IFPB) brought citizens closer to Information and Communication Technologies (ICT), and the contributions of these actions to the benefits idealized by cyberculture, regarding to citizenship and inclusion. The results suggest that contemporary societies conform as networks supported by ICT in social, economic, political and cultural aspects; although the actions and policies bring elements of inclusion in their discourses, as if this process had been moved in the universal sense, globalization presents itself as a selective process of agents in the networks; research in government portals suggests efforts in actions that corroborate with the discourses, including in connection with the multidimensionality of human life, but there are contradictions caused by discrepancies and inequalities in DI processes, and therefore the result is the increase or the maintenance of exclusion; it is important to rethink the cycle of public policies, with participatory and democratic decisions, involving governments, companies, institutions and citizens; the experiences in teaching, research and extension in IFPB, relating ICT and DI, have at times connected themselves to government policies, and have suggested that infrastructure problems in some places do not even guarantee access to these technologies, and that actions that develop the technique without connection with citizenship, reduce the reach of these technologies in human terms, restricting their social results; effective digital education for inclusion requires sense for ICTs, respect for contexts, qualification in citizenship, horizontal relations with communities, and their protagonism in the cycles of institutional actions and government policies.
Keywords: Tecnologias de Informação e Comunicação
Sociedade em Rede
Inclusão Digital
Cidadania
Inclusão Social
Information and Communication Technologies
Network Society
Digital Inclusion
Citizenship
Social Inclusion
???metadata.dc.subject.cnpq???: Ciências Sociais
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/4735
Appears in Collections:Doutorado em Ciências Sociais.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
NADJA DA NÓBREGA RODRIGUES – TESE (PPGCS) 2018.pdf2.97 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.