Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/5573
Title: Estudo cinético da capacidade de biossorção de metais pesados em resíduos sólidos orgânicos.
Other Titles: Kinetic study of biosorption capacity of heavy metals in organic solid waste.
???metadata.dc.creator???: SENA, Leandro Fabricio.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: BARROS, Aldre Jorge Morais.
???metadata.dc.contributor.referee1???: FREITAS, Normanda Lino de.
???metadata.dc.contributor.referee2???: BRITO, André Luiz Fiquene de.
???metadata.dc.contributor.referee3???: LEITE, Valderi Duarte.
Keywords: Meio ambiente - contaminação;Metais pesados - resíduos;Biossorção;Environment - Contamination;Heavy Metals - Waste;Biosorption
Issue Date: 6-Mar-2015
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: SENA, Leandro Fabricio. Estudo cinético da capacidade de biossorção de metais pesados em resíduos sólidos orgânicos. 2015. 45f. (Trabalho de Conclusão de Curso – Monografia), Curso de Engenharia de Biossistemas, Centro de Desenvolvimento Sustentável do Semiárido, Universidade Federal de Campina Grande, Sumé – Paraíba – Brasil, 2015.
???metadata.dc.description.resumo???: Com o desenvolvimento tecnológico aumentou a quantidade de rejeitos liberados pelas indústrias, que na maioria dos casos, sem um tratamento prévio. Pois, causa prejuízo à saúde, podendo ser transmitido ao ser humano através do transporte ambiental ou da contaminação do ar, solo, água e alimentos. No desenvolvimento de novas metodologias a biossorção é um processo onde se utiliza biomassa vegetal ou microrganismos, na retenção, remoção ou recuperação de metais pesados. Para a biossorção do íon níquel (II) foram utilizado três tipos de biossorventes (lodo de esgoto sanitário, resíduo sólido orgânico e carvão ativado). Todos os reatores receberam uma massa de 0,4±0,01 g de biossorventes, adicionados de 75 mL de solução metálica cuja concentrações iniciais são 0,01; 0,02 e 0,05 mols Ni2+ L-1 e realizados em três experimentos em diferentes valores de pH iniciais de 4,0; 5,0 e 6,0. Foram quantificados os pH iniciais e finais das amostras, calculado a retenção do metal expresso pela capacidade de biossorção (q) e a eficiência de remoção do íon metálico. Por meio da teoria das isotermas de Langmuir estabeleceu a cinética de biossorção e foram utilizados os dois modelos cinéticos usados em nosso trabalho: (1) pseudo-primeira ordem; e (2) pseudo-segunda ordem. Os resultados obtidos no experimento, obteve os valores de pH aproximados do neutro. A capacidade de biossorção do níquel (II) observou-se que o metal estabelece uma tendência a ocupar sítios ligantes desocupados nas superfícies dos biossorventes. Eficiência de biossorção obtiveram valores próximos 100 %, para o biossorvente lodo de esgoto sanitária em 720 minutos. A regressão linear da capacidade de biossorção em função do tempo de contato, ocorrendo que todos os valores de R² próximo de 1, concluindo-se que os resultados obtidos no experimento foram favoráveis, por apresentar boas biossorção do íon níquel (II) pelos biossorventes na concentração 0,01 mol Ni2+ L-1.
Abstract: With the technological development increases the amount of waste released by industry, in most cases without prior treatment. Therefore cause damage to the health can be transmitted to humans through environmental transport or contamination of air, soil, water and food. In developing new methods biosorption is a process which uses biomass or microorganisms, retention, removal or recovery of heavy metals. For the biosorption of nickel (II) ion were used three types of biosorbents (sewage sludge, organic solid waste and activated carbon). All reactors received a mass of 0.4 ± 0.01 g biosorbents, added 75 ml of metal solution whose initial concentration is 0.01; 0.02 and 0.05 mol Ni2+ L-1 and carried out in three experiments at different initial pH values of 4.0; 5.0 and 6.0. The initial and final pH were measured containers, calculated metal retention expressed by biosorption capacity (q) and removal efficiency (%) of the metal ion. Through the theory of Langmuir isotherm established the biosorption kinetics and used the two kinetic models used in our work: (1) pseudo-first order; and (2) pseudo-second order. The results obtained in our experiment, the pH values were approximate neutral. The biosorption capacity of nickel (II) ion revealed that the metal establishes a tendency to take up unoccupied binding sites on the surfaces of biosorbents. Biosorption efficiency obtained values close to 100% of sewage sludge in 720 minutes. The linear regression of biosorption capacity as function of contact time, occurring all R² values close to 1. Conclusion is that the results obtained in the experiment were favorable, due to its good biosorption of nickel (II) ion by biosorbents in concentration of 0.01 mol Ni2+ L-1.
Keywords: Meio ambiente - contaminação
Metais pesados - resíduos
Biossorção
Environment - Contamination
Heavy Metals - Waste
Biosorption
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/5573
Appears in Collections:Curso de Engenharia de Biossistemas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LEANDRO FABRICIO SENA - TCC ENG. DE BIOSSISTEMAS 2015..pdfLeandro Fabricio Sena - TCC ENG. DE BIOSSISTEMAS 2015. 1.7 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.