Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/6834
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creator.IDARAUJO, A. E. de.pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/3615237118676699pt_BR
dc.contributor.advisor1BARBOSA, Marx Prestes.
dc.contributor.advisor1IDBARBOSA, M. P.pt_BR
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2291984321852583pt_BR
dc.contributor.referee1ALMEIDA, José Antônio Pacheco de.
dc.contributor.referee2BELTRÃO, Napoleão Esberard de M.
dc.contributor.referee3DANTAS NETO, José.
dc.description.resumoObjetivou-se com esse trabalho o estudo da degradação/desertificação e da construção social dos riscos a desastre, por meio da analise do processo histórico e do diagnostico das condições socioeconômicas ambientais do semi-árido paraibano, tendo como área teste o município de Sousa, no Estado da Paraíba, gerando subsídios a gestão dos riscos nessa região. Os principais atores observados foram as atividades antrópicas, pois exercem um papel importante no cenário ambiental rural. O resgate histórico e o diagnostico sócio econômico ambiental foram os principais elementos no estudo da construção social dos riscos e na definição das vulnerabilidades. Usou-se interpretação de imagens fotográficas TM/Landsat-5 e visita ao campo para identificação das áreas degradadas. A intervenção das atividades humanas nesse cenário tem propiciado a degradação acentuada dos recursos naturais e a ocorrência de desastres. Foram identificadas áreas com nível de gradação muito grave, que constituem os "núcleos de desertificação", que embora ocupem apenas 2% da área estudada, ensejam reflexões profundas sobre a exploração dos recursos naturais no semi-árido. Os níveis de degradação grave, moderado, baixo e muito baixo ocupam respectivamente 39%, 37%, 18% c 4% do total da área. A população tem se mostrado altamente dependente do poder publico, e este, por sua vez, tem sido ineficaz na resolução dos problemas que afligem as comunidades locais. Uma dinâmica de identificação da vulnerabilidade das famílias rurais foi desenvolvida e, seus resultados indicaram uma vulnerabilidade global muito alta, o que define a enorme fragilidade social, econômica, tecnológica e de adaptação as condições do ambiente em que vivem - reflexo da falta e das falhas nas politicas publicas especificas. Todos os dados referentes a degradação ambiental geraram um banco de dados, no SPRING, de fácil acesso, tanto para consultas como para atualizações, podendo ser usado como subsidio ao processo de tomada de decisão na gestão dos riscos.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentCentro de Tecnologia e Recursos Naturais - CTRNpt_BR
dc.publisher.programPÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA AGRÍCOLApt_BR
dc.publisher.initialsUFCGpt_BR
dc.subject.cnpqEngenharia Agrícola
dc.titleConstrução social dos riscos e degradação ambiental: município de Sousa, um estudo de caso.pt_BR
dc.date.issued2002-03
dc.description.abstractThis work aimed the study of the degradation/desertification and the social construction of the risks to disaster, through the analysis of the historical process and the diagnosis of the environmental socioeconomic conditions of the semi-arid of the state of Paraiba, having as test area the municipality of Sousa, in the State of Paraiba, generating subsidies for the risk assessment in that area. One of the principal observed actors was the anthropic activity that performs an important paper in the rural environmental scenery. The historical data and the economical environmental diagnosis were the principal elements in the study of the social construction of the risks and for definition of the vulnerabilities. Based on the TM/Landsat- 5 image interpretation and field works, degraded areas were mapped. The intervention of the man in that scenery has been propitiating the accentuated degradation of the natural resources and the occurrence of disasters. Areas with very serious level of degradation were identified. They constitute the called "nucleus of desertification", that although occupying only 2% of the studied area, show deep reflections about the exploration of the natural resources in the semi-arid. The levels of degradation serious, moderate, low and very low occupy respectively 39%, 37%, 18% and 4% of the total area. The population is highly dependent of the public power, that in its turn, has been ineffective in the solution of problems that afflict the local communities. A dynamics of identification of the vulnerabilities of the rural families was developed and, its results indicated a very high global vulnerability, that defines the enormous social, economical, technological fragility in adaptation to the environment in that they live - reflecting the lack of specific public policies. All the referring data of the environmental degradation generated a database on SPRING, easy for consultations and for updatings, that could be used as subsidy in the process of the decision makers in the administration of the risks.pt_BR
dc.identifier.urihttp://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/6834
dc.date.accessioned2019-09-09T14:32:00Z
dc.date.available2019-09-09
dc.date.available2019-09-09T14:32:00Z
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.subjectDesastres Naturais
dc.subjectSemiárido
dc.subjectVulnerabilidades Sócioeconômicas
dc.subjectDegradação do Solo
dc.subjectDesertificação
dc.subjectImagens Fotográficas TM/Landsat-5
dc.subjectSPRING
dc.subjectNatural Disasters
dc.subjectSemiarid
dc.subjectSocioeconomic Vulnerabilities
dc.subjectSoil Degradation
dc.subjectDesertification
dc.subjectPhotographic Images TM / Landsat-5
dc.subjectSPRING
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.creatorARAUJO, Alexandre Eduardo de.
dc.publisherUniversidade Federal de Campina Grandept_BR
dc.languageporpt_BR
dc.title.alternativeSocial construction of risks and environmental degradation: municipality of Sousa, a case study.pt_BR
dc.identifier.citationARAUJO, Alexandre Eduardo de. Construção social dos riscos e degradação ambiental: município de Sousa, um estudo de caso. 2002. 130f. (Dissertação) Mestrado em Engenharia Agrícola, Programa de Pós-graduação em Engenharia Agrícola, Centro de Tecnologias e Recursos Naturais, Universidade Federal de Campina Grande – Campina Grande - Paraíba – Brasil, 2002.pt_BR
Appears in Collections:Mestrado em Engenharia Agrícola.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ALEXANDRE EDUARDO DE ARAUJO - DISSERTAÇÃO PPGEA 2002.pdfAlexandre Eduardo de Araujo - Dissertação PPGEA 2002. 27.51 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.