Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/8369
Title: Avaliação do potencial de cactáceas para aplicações em processos biotecnológicos.
Other Titles: Evaluation of cactus potential for biotechnological applications.
???metadata.dc.creator???: SILVA, Luana Maria de Queiroz.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: NUNES, Bruno Rafael Pereira.
???metadata.dc.contributor.referee1???: LIMA, Lenilde Mérgia Ribeiro.
???metadata.dc.contributor.referee2???: SOARES, Arianne de Freitas Barros.
Keywords: Palma forrageira;Mandacaru;Cactácea;Processo biotecnológico;Biotecnologia;Plantas da caatinga – potencial biotecnológico;Biomassa lignocelulósica;Bioprodutos;Forage palm;Cactus;Biotechnological Process;Biotechnology;Caatinga plants - biotechnological potential;Lignocellulosic Biomass;Bioproducts
Issue Date: 10-Jul-2019
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: SILVA, Luana Maria de Queiroz. Planejamento do uso racional dos recursos naturais da microbacia hidrográfica do Riacho Val Paraíso-PB, através de mapeamento geoambiental. 2019. 48f. (Trabalho de Conclusão de Curso – Monografia), Curso de Engenharia de Biotecnologia e Bioprocessos, Centro de Desenvolvimento Sustentável do Semiárido, Universidade Federal de Campina Grande, Sumé – Paraíba – Brasil, 2019.
???metadata.dc.description.resumo???: A busca por energia limpa, pela utilização de matérias-primas renováveis e que apresentem interesse biotecnológico vem crescendo cada vez mais. A biomassa lignocelulósica é uma fonte economicamente viável na qual a energia química pode ser liberada por meio de processos químicos e termoquímicos. O objetivo deste trabalho foi avaliar a aplicabilidade da biomassa de plantas e frutos, oriundos da região do semiárido, como potenciais matérias primas na geração de bioprodutos e biocombustíveis. Para isso, foram utilizados como biomassa o caule e o fruto do mandacaru (Cereus jamacaru P.DC.), raquetes da palma forrageira (Opuntia ficus indica Mill) e o fruto do rabo de raposa (Harrisia adscendens). A determinação da composição da biomassa seca foi realizada determinando os teores de umidade, cinzas, extrativos, lignina e holocelulose (celulose + hemicelulose), além da determinação da quantidade de açúcares redutores pelo método do DNS (Ácido 3,5-Dinitrosalicílico). A partir dos resultados analisados, foi demonstrado que a palma e o mandacaru apresentam maiores teores de umidade, ou seja, são as duas matérias que apresentaram em sua constituição maior quantidade de água. As maiores frações de extrativos foram encontrados nos frutos de mandacaru e de rabo de raposa, provavelmente devido à grande quantidade de sementes em sua constituição. Em relação a holocelulose, fração composta por celulose e hemicelulose, foi possível verificar valores significativos em todas as biomassas utilizadas, principalmente para palma e mandacaru, com valores superiores a 60%. O maior teor de lignina foi observado para o mandacaru, que apresentou 17,64% deste constituinte. Quanto aos açúcares redutores, os frutos apresentaram os valores mais elevados, possibilitando sua utilização em processos fermentativos, como os aplicados para geração de etanol e de produtos como xilitol. Assim, as cactáceas utilizadas, apresentam-se como uma alternativa importante para produção de produtos biotecnológicos e energia alternativa.
Abstract: The search for clean energy, the use of renewable raw materials and that have a biotechnological interest has been growing more and more. Lignocellulosic biomass is an economically viable source in which chemical energy can be released through chemical and thermochemical processes. The objective of this work was to evaluate the applicability of biomass of plants and fruits from the semiarid region as potential raw materials in the generation of bioproducts and biofuels. For this, the stem and mandacaru fruit (Cereus jamacaru P.DC.), forage palm rafts (Opuntia ficus indica Mill) and the fruit of the foxtail (Harrisia adscendens) were used as biomass. The determination of the dry biomass composition was carried out by determining the moisture content, ashes, extractives, lignin and holocellulose (cellulose + hemicellulose), as well as determining the amount of reducing sugars by the DNS (3,5-Dinitrosalicylic acid) method. From the results analyzed, it was demonstrated that the palm and mandacaru present higher moisture contents, that is, they are the two materials that presented in their constitution a greater amount of water. The largest extractive fractions were found in mandacaru and foxtail fruits, probably due to the large amount of seeds in their constitution. In relation to holocellulose, a fraction composed of cellulose and hemicellulose, it was possible to verify significant values in all the biomasses used, mainly for palm and mandacaru, with values higher than 60%. The highest lignin content was observed for mandacaru, which presented 17.64% of this constituent. As for the reducing sugars, the fruits presented the highest values, allowing their use in fermentative processes, such as those applied for the generation of ethanol and products such as xylitol. Thus, the cactaceae used are presented as an important alternative for the production of biotechnological products and alternative energy
Keywords: Palma forrageira
Mandacaru
Cactácea
Processo biotecnológico
Biotecnologia
Plantas da caatinga – potencial biotecnológico
Biomassa lignocelulósica
Bioprodutos
Forage palm
Cactus
Biotechnological Process
Biotechnology
Caatinga plants - biotechnological potential
Lignocellulosic Biomass
Bioproducts
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/8369
Appears in Collections:Curso de Engenharia de Biotecnologia e Bioprocessos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LUANA MARIA DE QUEIROZ SILVA - TCC ENG. DE BIOTECNOLOGIA E BIOPROCESSOS 2019.pdfLuana Maria de Queiroz Silva - TCC ENG. DE BIOTECNOLOGIA E BIOPROCESSOS 2019.2.35 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.