Please use this identifier to cite or link to this item: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/956
Title: Dinâmica da água no solo em função da vazão do gotejador em irrigação intermitente.
Other Titles: Soil water dynamics as a function of the emitter flow in intermittent irrigation.
???metadata.dc.creator???: NASCIMENTO, Tarcízio.
???metadata.dc.contributor.advisor1???: AZEVEDO, Carlos Alberto Vieira de.
???metadata.dc.contributor.referee1???: ALMEIDA, Hermes Alves de.
???metadata.dc.contributor.referee2???: PINTO, José Maria.
???metadata.dc.contributor.referee3???: GUERRA, Hugo Orlando Carvallo.
???metadata.dc.contributor.referee4???: LIMA, Vera Lúcia Antunes de.
Keywords: Dinâmica água e solo;Solo arenoso;Irrigação intermitente;Campo experimental de Bebedouro - Petrolina - PE;Perdas de água - percolação;Lisimetro de drenagem;Neossolo Quartzarênico;Frente de umidade;Solos;Lisimetria;Intermittent Irrigation;Loss of water - percolation
Issue Date: Aug-2009
Publisher: Universidade Federal de Campina Grande
Citation: NASCIMENTO, Tarcízio. Dinâmica da água no solo em função da vazão do emissor em irrigação intermitente. 2009. 105f. (Tese de Doutorado em Engenharia Agrícola), Programa de Pós-graduação em Engenharia Agrícola, Centro de Tecnologias e Recursos Naturais, Universidade Federal de Campina Grande – Paraíba – Brasil, 2009.
???metadata.dc.description.resumo???: Este trabalho foi conduzido no campo experimental de Bebedouro, pertencente à Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa Semiárido) com o objetivo de determinar a intermitência de irrigação e a vazão do emissor que reduzindo a velocidade da frente de umidade no perfil do solo; e sua influência nas perdas de água por percolação. O trabalho foi realizado em um lisímetro de drenagem com dimensões de 100 cm de aresta, utilizando-se um solo tipo Neossolo Quartzarênico, com 94% de areia, 1% de silte e 5% de argila, coletado em uma área no projeto de irrigação Senador Nilo Coelho, em Petrolina-PE. Com base na evaporação média anual da estação experimental Bebedouro, que é de aproximadamente 8,0 mm, os testes foram realizados, utilizando um volume de reposição, fixo de 8,0 L de água. As irrigações foram realizadas, utilizando-se um esquema fatorial de quatro vazões (2,0; 4,0; 8,0 e 12,0 L h"1) por quatro intermitências (uma, duas, três e sem intermitências). Cada teste foi repetido por três dias consecutivos com irrigação, e quatro dias consecutivos sem irrigações. A velocidade da frente de umidade no solo irrigado com o emissor de 12,0 L h"1 foi, respectivamente, de 110,0; 89,9; 77,5; e 73,6 cm h"1 para irrigação sem, com uma, duas e com três intermitências. Com o emissor de 8,0 L Iv a velocidade foi de 68,1; 62,3; 60,4 e 62,6 cm h'1. Com o emissor com 4,0 L h"1 a velocidade foi de 47,6; 39,2; 36,6; e 39,7 cm h"1. Com o emissor com 2,0 L h"1 a velocidade foi de 34,7; 25,1; 23,0 e 28,3 cm h'1. Nas irrigações realizadas com emissores de vazão de 12,0 L h"1, observa-se, em relação à intermitência, que a velocidade da frente de umidade sofreu um decréscimo de 18,73; 29,86 e 33,39 %, entre as irrigações sem intermitência e as irrigações com uma, duas e três intermitências, respectivamente. Nas irrigações realizadas com emissores de vazão de 8,0 L h~1, houve um decréscimo de 8,58; 11,31 e 8,08%, nas irrigações realizadas com emissores de vazão de 4,0 L h"\ houve um decréscimo de 17,65; 23,11 e 16,60% e nas irrigações realizadas com emissores de vazão de 2,0 L h'1, houve um decréscimo de 27,67; 33,72 e 18,44%. Em relação à vazão, observase que a velocidade da frente de umidade nas irrigações realizadas sem intermitência, sofreu um decréscimo de 38,37; 56,92 e 68,60%, entre as irrigações com emissores de 12,0 L h"1 e as irrigações com emissores de 8,0; 4,0 e 2,0 L h"1 respectivamente. Nas irrigações realizadas com uma intermitência, houve um decréscimo de 30,62; 56,35 e 72,05%, nas irrigações realizadas com duas intermitências, houve um decréscimo de 22,06; 55,77 e 70,32% e nas irrigações realizadas com três intermitências, houve um decréscimo de 14,95; 46,06 e 61,55%. Com base nos resultados, observa-se que as menores velocidades da frente de umidade ocorreram nas irrigações com duas intermitências e com emissores de 2,0 e 4,0 L h"1. A redução na velocidade da frente de umidade aumenta o tempo de permanência da água no perfil do solo, proporcionando um maior tempo de oportunidade para extração da água pela cultura, aumentando a eficiência de uso da água, e reduzindo as perdas por percolação profunda.
Abstract: This study was conducted in the Bebedouro experimental field, belonging to the Brazilian Agricultural Research Corporation (Embrapa Semi-Arid) in order to determine the irrigation intermittency and the emitter flow that would reduce the front velocity of moisture in the soil profile, and its influence on deep percolation water loss. The study was conducted in a drainage lysimeter with dimensions of 100 cm of edge, using a soil type Entisols, with 94% of sand, 1% of silt and 5% of clay, collected in a commercial area of a Grape production farm in the irrigation project Senador Nilo Coelho Petrolina-PE. Based on the average annual evaporation of the Bebedouro experimental station, which is approximately 8.0 mm, the tests were conducted using a fixed replacement volume of 8.0 L of water. The irrigations were performed using a factorial scheme of four flow rates (2.0, 4.0, 8.0 and 12.0 L h"1) by four irrigation intermittencies (one, two, three and without intermittency). Each test was repeated three consecutive days with irrigation and four consecutive days without irrigation. The front velocity of moisture in the soil irrigated with the emitter of 12.0 L h"1 was, respectively, 110.0, 89.9, 77.5, and 73.6 cm h"1 without irrigation, with one, two and three intermittencies. With the emitter of 8.0 L h"1 the front velocity was 68.1, 62.3, 60.4 and 62.6 cm h"1. With the emitter with 4.0 L h"1 the front velocity was 47.6, 39.2, 36.6, and 39.7 cm h"1. With the emitter with 2.0 L h"1 the front velocity was 34.7, 25.1, 23.0 and 28.3 cm h"1. In the irrigation performed with the emitters of flow rate of 12.0 L h", it is observed, in relation to intermittency, that the front velocity of the moisture decreased by 18.73, 29.86 and 33.39% between the irrigations without intermittency and irrigation with one, two and three intermittencies, respectively. In irrigations performed with emitters of flow rate of 8.0 L h", there was a decrease of 8.58, 11.31 and 8.08%, in irrigations performed with emitters of flow rate of 4.0 L h"1, there was a decrease of 17.65, 23.11 and 16.60% and in the irrigations performed with emitters of flow rate of 2.0 L h", there was a decrease of 27.67, 33.72 and 18.44%. Regarding flow, it is observed that the front velocity of moisture in irrigations performed without intermittency, decreased by 38.37, 56.92 and 68.60% between the irrigations with emitters of 12.0 L h"1 and the irrigations with emitters of 8.0, 4.0 and 2.0 L h"1 respectively. In irrigations performed with one intermittency, there was a decrease of 30.62, 56.35 and 72.05%, in irrigations performed with two intermittencies, there was a decrease of 22.06, 55.77 and 70.32%, and in the irrigations performed with three intermittencies there was a decrease of 14.95, 46.06 and 61.55%. Based on the results, it is observed that the lower velocity of moisture occurred in the front with two intermittencies and irrigation with emitters of 2.0 and 4.0 L h"1. The reduction in the front velocity of the soil moisture increases the residence time of water in the soil profile, providing a greater opportunity time for water extraction by the crop, increasing the efficiency of water use, and reducing deep percolation losses.
Keywords: Dinâmica água e solo
Solo arenoso
Irrigação intermitente
Campo experimental de Bebedouro - Petrolina - PE
Perdas de água - percolação
Lisimetro de drenagem
Neossolo Quartzarênico
Frente de umidade
Solos
Lisimetria
Intermittent Irrigation
Loss of water - percolation
???metadata.dc.subject.cnpq???: Engenharia Agrícola
URI: http://dspace.sti.ufcg.edu.br:8080/jspui/handle/riufcg/956
Appears in Collections:Doutorado em Engenharia Agrícola.

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TARCÍZIO NASCIMENTO - TESE PPGEA 2009..pdfTarcizio Nascimento - Tese PPGEA 2009.10.26 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.